18 de junho

GDF - Administrações Regionais

Serviços

Plano Plurianual de 2018

PPA UO – 59131 e Ano Base – 2018

 

Publicado em 28 de junho de 2018

(atualizada em novembro/2017)

Carta de Serviços ao Cidadão é um instrumento de controle social que facilita a sua participação nas ações e programas do Governo do Distrito Federal. Nela você encontrará informações claras e acessíveis sobre os serviços prestados por cada órgão e entidade Distrital. Bem informado, você poderá avaliar os compromissos assumidos pelo Governo em relação aos serviços que presta. Após sua leitura, solicite, questione e colabore. As informações irão facilitar seu dia a dia.

Dê sua opinião

– Participe da pesquisa e colabore com o aprimoramento das Cartas de Serviços ao Cidadão – clique aqui.
– Para registrar reclamação, sugestão, elogio ou informação sobre qualquer Carta de Serviços acesse o sistema de Ouvidoria Ouv-DF clique aqui.

 

 

Dê sua opinião

– Participe da pesquisa e colabore com o aprimoramento das Cartas de Serviços ao Cidadão – clique aqui.

– Para registrar reclamação, sugestão, elogio ou informação sobre qualquer Carta de Serviços acesse o sistema de Ouvidoria Ouv-DF clique aqui.

 

VERSÃO PARA O CIDADÃO


  VERSÃO PARA EMPRESA

  

 

Serviço de Protocolo da Administração do SIA

Requerimento Para Assuntos Diversos

O interessado deverá preencher a solicitação de acordo com o assunto a ser tratado.

É necessário anexar cópia do RG, e procuração se for o caso. Toda a documentação será encaminhada à Assessoria Especial do Gabinete.

Horário de Atendimento: 8h às 18h, em dias úteis

Atendimento telefônico: 3403.6900

Requerimento Para Aprovação de Projeto
Este requerimento será encaminhado a CAP e deverá ser Preenchido pelo interessado solicitando a aprovação e anexando a seguinte
  • Título de propriedade do imóvel registrado em Cartório de Registro de Imóveis ou Contrato com a Administração pública ou documento por ela formalmente (cópia autenticada);
  • Uma via ART responsável técnico pela obra e de autoria dos projetos, registrada no CREA/DF;
  • Documentos Pessoais;
  • Dois jogos de cópias dos projetos de arquitetura;
Requerimentos Padrão Para Fins de Alvará de Construção
O interessado deverá preencher e anexar a seguinte documentação:
  • Taxa de execução de obra ou NADA Consta AGEFIS;
  • Título de propriedade do imóvel registrado em Cartório de Registro de Imóveis ou Contrato com a Administração pública ou documento por ela formalmente reconhecido (cópia autenticada);
  • Dois jogos de cópias dos projetos de arquitetura, um jogo de fundação e um jogo de instalações prediais (elétrica/hidráulica/ telefone);
  • Uma via ART responsável técnico pela obra e de autoria dos projetos, registrada no CREA/DF;
  • Um jogo de cópias de projeto de prevenção de incêndio aprovado, quando previsto a legislação específica do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal/CBMDF. O interessado deverá entregas as Plantas até 60 dias após a expedição do Alvará.
Requerimento Para Carta de Habite-se
Deverá  ser  preenchido  pelo  interessado solicitando o desarquivamento do processo ou a localização do mesmo. Caso tenha sido enviado para a CAP – Central de Aprovação de Projeto, a Administração solicita a devolução do mesmo para fins de liberação de Carta de Habite-se. Anexar também os seguintes documentos:
  • Declaração de Aceite da CEB;
  • Declaração de Aceite da CAESB;
  • Nada consta da AGEFIS
  • Um jogo projetos de instalações prediais (elétrica/hidráulica/ telefone)
Requerimento de Demolição
O requerimento de Demolição pode ser solicitada na CAP e na própria Administração do SIA, porém, será encaminhado a CAP.
  • Preenchido pelo interessado e anexado a seguinte documentação:
  • ART registrada no CREA/DF;
  • Taxa de Demolição AGEFIS
  • Planta Arquitetônica.
Entrada Para Alvarás de Funcionamento
O interessado deverá realizar a conferência dos documentos necessários para o pedido de Alvará de Funcionamento na NULAE/ GELIC nesta Administração Regional. O mesmo se dirige ao Protocolo para autuação, onde será informado o número do processo e telefone da Gerência para acompanhamento do trâmite.
Vistas e Cópias de Processos
O interessado preencherá o REQUERIMENTO PADRÃO       PARA        ASSUNTOS       DIVERSOS solicitando a pesquisa no arquivo e informando o número ou endereço a que se refere o processo e se pretende tirar cópias do mesmo, e de acordo com a Lei 12.527, conhecida como a Lei de Acesso à Informação Pública, o cidadão tem direito a solicitar informações pertinentes aos órgão públicos desde que não sejam sigilosas, diante disso, para que faça vistas a um processo é solicitado ao interessado que apresente a seguinte documentação:
  • Documento de Identificação com foto;
  • Caso não seja o proprietário, é solicitado que apresente Carta de Preposto, Procuração específica para representar o interessado em órgãos e repartições públicas;
  • Trazer documentos originais e cópias para serem anexados ao processo para fins de futuros esclarecimentos;
  • No caso de solicitação de cópias, o interessado deverá procurar o protocolo da Administração Regional do SIA.
  • Ressalta-se que a solicitação de cópia do processo é autorizada pela Assessoria Técnica.
  • Após autorização, será designado um servidor para acompanhar o interessado para tirar cópia da planta.
O interessado arca com as custas das cópias caso exceda o número máximo de 50 laudas, bem como, cópias de Plantas. 
 
Manutenção e Limpeza Urbana
 
 

*Consiste na conservação das vias, calçadas e canteiros, bem como retirada de resíduos sólidos depositados em locais impropriados. Esses serviços serão prestados à comunidade do SIA sem nenhum custo. No tocante ao depósito de resíduos sólidos em local inadequado, embora a Administração Regional providencie a retirada, este não deverá voltar a ocorrer, sob pena de notificação e aplicação de multa. A Administração definiu que os resíduos sólidos serão encaminhados para o lixão da Estrutural. Além disso, serão realizadas campanhas de fiscalização e conscientização da população sobre o tema.
Formas de Acesso
Para ter acesso ao serviço, o cidadão entra em contato com a Administração por meio dos seguintes canais:
  • Por meio do telefone: 162
  • Ouvidoria da Administração do SIA trecho 08 – Lotes 125/135
  • Alô Administrador – Telefone: 3403.6900
  • Oficio protocolado na Administração
Licenciamento     Para      Funcionamento      de  Atividades Econômicas ou de Atividades Sem Fins Lucrativos NULIO – Núcleo de Licenciamento de Obras
  1. Alvará de Construção;
  • Documentos e Requisitos Necessários
*Requerimento, taxa de execução de obra ou nada consta da AGEFIS: Título de propriedade do imóvel registrado em Cartório de Registros; Dois jogos de cópias dos projetos de arquitetura; um jogo de fundação e um jogo de instalações prediais (telefônica, hidrossanitárias, elétrica); uma via do ART ou RRT do responsável técnico pela obra.
  • Prazo de Execução: 10 dias
  • Mecanismo de comunicação: presencial
  • Horário: 08h às 18h
  • Autorizações diversas para utilização de área pública (eventual);
  • Documentos e Requisitos Necessários
  • Requerimento padrão;
  • Croqui da área;
  • Documento do interessado
  • Pagamento da taxa de área pública.
  •  
  • b) Emissão de Carta Habite-se
  • Documentos e Requisitos Necessários
  • Requerimento padrão;
  • Carta de aceite da Caesb;
  • Projeto de instalação e fundação;
  • Escritura registrada em Cartório de Imóveis;
  • Taxa e nada consta da AGEFIS.
  • Aceite da CEB
  • Declaração Corpo de Bombeiro
  • Declaração NOVACAP
  • Certidão de ônus
  • RIT – Relatório de impacto de transito
  • Vistoria da AGEFIS
  • Em caso de projeto acima de 1000.00m², será obrigatório a exposição de uma obra de arte
  • Prazo de Execução: 10 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial.
  • Horário: 08 às 18h
c) Emissão de Taxa para utilização de área pública
• Documentos e Requisitos Necessários
*Termo de permissão de uso; pagamento da taxa de utilização de área pública.
  • Prazo de Execução: 02 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Via telefone ou presencial.
  • Horário: 08 às 18h
  1. Autorização de demolição
  • Documentos e Requisitos Necessários
*Requerimento padrão; ART ou RRT do responsável técnico pela demolição; cópia do documento do proprietário; cópia da certidão de ônus ou da Carta de Habiti-se.
  • Prazo de Execução: 05 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Via telefone ou presencial.
  • Horário: 08h às 12h
NULAE – Núcleo de Licenciamento de Atividades Econômicas – 3403.6909 3403.6916
Horário de Atendimento: 08 às 18h
a) Consulta Prévia;
*Solicitação pelo site da Administração Regional, na área de Consulta Prévia para Licença de Funcionamento.
  • Prazo de Execução: 7 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Via telefone, pessoalmente ou Internet (admsiaxxixnulae@gmail.com).
  1. Licença/Alvará de funcionamento
*Requerimento padrão, consulta prévia deferida; documentos do interessado ou procurador; procuração, contrato social; contrato de locação; declarações de responsabilidade; vistorias; CNPJ; nada consta da AGEFIS; comprovante de pagamento de TFE, CFDF(Inscrição Estadual) entre outros.
  • Prazo de Execução: 10 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial
 
c) Licença Eventual
*Requerimento padrão; oficio protocolado na Vara de Infância e Juventude; ofício protocolado
na Secretaria de Segurança Pública do DF; autorização de utilização de área ou documento de posse do imóvel; cópia do contrato social; certidão da Receita Federal; certidão da Secretaria de Fazenda; nada consta da AGEFIS; taxa de funcionamento do estabelecimento; CNPJ, CPF e RG; memorial descritivo dos eventos; croqui do local do evento; termo de declaração de responsabilidade, declaração da defesa civil e bombeiro, entre outros, dependendo do tipo de evento.
  • Prazo de Execução: 05 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial
NUTOP – Núcleo de Topografia e Desenho Técnico
  1. Levantamento de Cota de Soleira;
  • Requerimento Padrão
  • Prazo de Execução: 7 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial b) Desenho Técnico
  • Requerimento Padrão
  • Prazo de Execução: 07 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial
c) Levantamento Topográfico/Demarcação
 
 

  • Requerimento Padrão
  • Prazo de Execução: 05 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Presencial
Gerência de Obras – GEOB
*Solicitação de serviços de recolhimento de entulho; poda; tapa buraco; recolhimento de galhos, através de requerimento padrão.
  • Prazo de Execução: 10 dias
  • Mecanismo de Comunicação: Via ouvidoria – 162 ou presencial
  • Endereço: SIA trecho 08 – Lotes 125/135 – CEP: 71.205-080
  • Horário: 08h às 18h
 
 
 

 

Segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Tempo máximo de espera de 30 minutos, conforme Lei distrital n° 2.547/2000. As gestantes, as mães com crianças no colo, os idosos com idade igual ou superior a sessenta e cinco anos e as pessoas com deficiência física terão atendimento prioritário nos estabelecimentos comerciais, de serviços e similares de acordo com a lei n° 4.027/2007.

Endereço da Administração Regional do SIA

SIA trecho 08 – Lotes 125/135

Estacionamento para carros e motos.  Próximo à  Feira dos Importados.

 

LEIS:

> Regime Jurídico do GDF 

(LEI COMPLEMENTAR Nº 840 DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011)

Sistema de Gestão de Ouvidoria SIGO-DF

(LEI Nº 4.896, DE 31 DE JULHO DE 2012)

Lei de Acesso à informação – Federal

(LEI FEDERAL Nº 12.527/2011)

Lei de Acesso à informação – Distrital

( LEI Nº 4.990, DE 12 DE DEZEMBRO DE 2012)


DECRETOS:

Supervisão técnica e a orientação normativa da STC – DF

(DECRETO Nº 32.840, DE 06 DE ABRIL DE 2011)

Fraseologia anticorrupção em editais de licitação, contratos – GDF

(DECRETO Nº 34.031, DE 12 DE DEZEM-BRO DE 2012)

Credenciamento de segurança e tratamento de informação

(DECRETO Nº 7.845, DE 14 DE NOVEMBRO DE 2012)

Garantia do sigilo dos dados para o cidadão

(DECRETO Nº 24.582, DE 11 DE MAIO DE 2004)


INSTRUÇÃO NORMATIVA

Disciplina a realização da investigação preliminar no âmbito dos órgãos e entidades da Administração Dire-ta e Indireta do Poder Executivo

 

(INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 4, DE 13 DE JULHO DE 2012)

A região administrativa do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) completou 55 anos no dia 14 de julho. Para a comemoração do aniversário da cidade, a administração regional ofereceu café da manhã na entrada principal da feira da cidade (Feira dos Importados).

O SIA nasceu antes mesmo da capital ser inaugurada. Era na região que os construtores da cidade armazenavam material para as obras. Aos poucos, as empresas foram se instalando na região.

Em 1967, foi cedida uma parte do SIA para a construção do Guará. O governo resolveu construir a área habitacional para abrigar justamente os trabalhadores da região, além de funcionários públicos e moradores de invasões e núcleos provisórios. Foi assim que, no dia 21 de abril de 1969, Brasília foi oficialmente inaugurada.

Em 14 de julho de 2005, a partir do decreto nº 3618, o Setor de Indústria e Abastecimento ganhou sua primeira administração. Atualmente, a administração regional é responsável pelos trechos de 1 a 17, o Setor de Inflamáveis (SIN) e o Setor de Transporte Rodoviário de Cargas (STRC).

A RA XXIX é responsável por 56% da arrecadação de ICMS do DF. São mais de 82 mil trabalhadores, 4.347 empresas de grande, médio e pequeno porte. Cerca de 300 mil pessoas circulam pelo SIA diariamente.

A nove dias do jogo de abertura da Copa do Mundo de Futebol, as 31 cidades do Distrito Federal já entraram no clima do evento. A maioria está com ornamentação verde e amarelo em suas principais praças e monumentos. Muitas, inclusive, organizam concursos de decoração nas quadras e vão disponibilizar telões para exibição dos jogos.

No Recanto das Emas, por exemplo, o monumento de aves na entrada da cidade recebeu pintura nas cores brasileiras. Em Samambaia, as figuras do Agreste também estão pintadas de verde e amarelo. Planaltina, por sua vez, reformou as quadras esportivas, enquanto o Gama — local de treinamento das seleções que jogarão no Estádio Mané Garrincha — está com suas principais quadras decoradas.

De acordo com o chefe da Coordenadoria das Cidades, Francisco Machado, é importante que todos estejam envolvidos com as comemorações da Copa, pois é o clima de cooperação que precisa prevalecer. “Todos as administrações estão preparadas ou se preparando, engajadas em torcer pelo Brasil. ”

Aniversário verde e amarelo

Outras regiões administrativas vão conciliar a torcida pela Seleção com as respectivas festas de aniversário em junho. Em São Sebastião, que completa 21 anos no dia 25/06, as paradas de ônibus estão pintadas em homenagem ao Brasil. Brazlândia, celebrará seus 81 anos com um desfile cívico no dia 08 de junho. O tema será “Brazlândia promovendo a paz e a alegria na Copa”.
Outra cidade empolgada com as festividades é Taguatinga, que completa 56 anos no dia 05 de junho. A RA III receberá a festa oficial da FIFA, a Fan Fest. Durante todos os dias dos jogos da Copa do Mundo, o Taquaparque será palco de shows e exibição das partidas. A transmissão em telões também ocorrerá em outras cidades, como Itapoã, Guará, Varjão, Riacho Fundo, Estrutural, São Sebastião e Sobradinho I.

Concurso

Núcleo Bandeirante, Candangolândia, Sudoeste, Santa Maria, Park Way, Águas Claras, Riacho Fundo II, Paranoá, Fercal e Lago Sul também receberão uma decoração especial. Algumas, inclusive, estão com os meios-fios pintados nas cores verde e amarelo.

Outras cidades como Jardim Botânico, Ceilândia, Lago Norte e Cruzeiro optaram por concursos de ornamentação para premiar a quadra ou o condomínio mais bonito. Para os administradores, essa é uma forma de incentivar a comunidade a torcer pelo Brasil.

O vigilante David Pereira é um dos admiradores da torcida canarinha. Morador de Ceilândia Norte, ele organizou com os vizinhos a decoração do conjunto G da QNN 23. “Acho importante, pois dá um animo para todos nós. E é uma maneira de confraternizar. Aqui todo mundo ajudou. Estamos colocando faixas de TNT em toda a quadra. E ainda vamos pintar os meios-fios”.

Sedes decoradas
Para dar o exemplo, as sedes das administrações de Vicente Pires, SIA, Planaltina e Sobradinho II estão pintadas nas cores brasileiras. Brasília também receberá uma atenção especial para recepcionar os turistas. O Parque da Cidade, inclusive, terá vários locais decorados.

De acordo com a Secretaria Extraordinária da Copa, o evento é uma excelente oportunidade de mostrar a cultura local aos milhares de turistas. “As administrações estão mais que preparadas. Elas estão envolvendo a população e as cidades darão um grande exemplo”, afirmou.

 

Por acreditar que toda mãe é a primeira referência de MULHER para os seus filhos e que nenhuma é igual a outra, a Administração do SIA homenageou suas funcionárias.

No próximo dia (11), compartilhe o amor que você sente por quem sempre foi a sua maior referência de MULHER. Mostre todo o carinho que você sente nesse Dia das Mães. Elas merecem!

 

 A Câmara Legislativa do Distrito Federal concedeu na última segunda-feira (5), o título de Cidadão Benemérito de Brasília ao pastor Paulo César Santana. A homenagem, proposta pelo deputado Benedito Domingos (PP), aconteceu no plenário da CLDF.

Nascido no Gama, em 1967, Paulo César começou sua jornada Ministerial ainda na adolescente na igreja evangélica Assembleia de Deus, na qual permaneceu por 34 anos. É um dos fundadores da Igreja Batista Koinonia de Aguas Claras, que este ano completa 14 anos.  

O homenageado também recebeu os cumprimentos da deputada Distrital Celina Leão (PDT), e do atual administrador do SIA, José Rubens Cabral. 

 

 O Distrito Federal foi a primeira unidade federativa a entregar uma obra realizada com recursos do PAC Copa. A passagem subterrânea do Balão Sarah Kubitschek, que dá acesso ao Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitschek, inaugurada nessa segunda-feira (5), foi entregue mais de um mês antes da Copa do Mundo. O túnel já foi liberado e beneficiará em torno de 100 mil motoristas que passam diariamente pela região.

A obra, que conta com 700 metros de extensão, sendo 300 metros de área coberta, inclui duas vias marginais no trecho do Balão ao Aeroporto, que separam o trânsito local das vias expressas, além do túnel do balão e a restauração asfáltica de todo o trecho. Serão beneficiados, principalmente, os moradores do Park Way, Núcleo Bandeirante, Lago Sul, motoristas sentido saída sul, além dos usuários do aeroporto.

“Foram investidos no local R$ 54 milhões, 40% a menos do previsto. E pretendemos utilizar essa economia fazendo mais uma obra próxima ao aeroporto também. Essa é uma bela obra que será aproveitada durante esse grande evento esportivo, mas que ficará como legado à população da cidade”, afirmou o governador Agnelo Queiroz.

De acordo com o diretor do DER, Fauzi Nacfur, começará a ser construído, assim que acabarem os eventos relativos à Copa do Mundo, outro viaduto, com o nome de Ferradurinha. “O objetivo é eliminar os dois retornos que ficam localizados após o Balão do Aeroporto. Não começamos sua construção antes porque sabíamos que não conseguiríamos entregar antes da copa, o que causaria mais transtorno sem necessidade”, declarou.

Foram plantadas um total de 700 mudas em substituição às 67 retiradas para a realização da obra. “Compensamos com dez vezes mais plantas. Foram 400 mudas de ipês das cores branca, roxa e amarela, 250 palmeiras e 47 flamboyants. E esse paisagismo foi entregue um mês antes do prazo, que seria junho. Um pedido que quero fazer à população é que respeite o que é construído em benefício de todos”, ressaltou o vice-governador, Tadeu Filippelli.

Árvores
A Novacap fez o projeto de paisagismo para o local. Em novembro de 2013, 67 árvores da espécie sibipiruna foram retiradas do canteiro central da Estrada Parque Aeroporto para realização das obras do Expresso DF Sul. Elas foram replantadas no Viveiro II da Novacap. As sibipirunas têm, em média, 50 anos, e fazem parte da história de Brasília.

 

Sob nova Administração, a população do SIA (DF) tem recebido nos últimos dias o projeto Cidade Limpa. Todos os dias, agentes da Administração passam pelas ruas da cidade realizando serviços de limpeza pública, desobstrução de bocas lobo, retirada de entulhos, poda de árvores e gramas, pintura de meios-fios e recolhendo e materiais que possam ser criadouros da dengue.

Fonte: SLU

Foto: Brito / Arquivo

 

A expectativa do GDF é recuperar, até o fim deste ano, mais de 50% das vias

  

BRASÍLIA (30/3/14) – As obras do programa “Asfalto Novo”, que recuperam a malha viária do Distrito Federal, serão executadas em 14 regiões administrativas entre os dias 31 de março e 5 de abril. Pelo cronograma, até o fim deste ano, mais de 50% das vias do DF receberão novo asfaltamento para proporcionar melhor qualidade de vida aos brasilienses.

Ao todo, a nova pavimentação será feita em aproximadamente 6 mil km, dos 11,7 mil km da malha viária do DF. Serão investidos, até o fim do próximo ano, cerca de R$ 737,2 milhões.

Confira o cronograma de obras desta semana:

BRASÍLIA

– SCES Trecho 2 (da Avenida das Nações até Asbac)Vias de ligação N1/S1 (entre a Feira da Torre e a Funarte); Via de ligação N1/S1 (em frente ao Museu Nacional); Alças de entrada e saída da W3 pela Via S1; Alça de ligação da Via N1/S1 (em frente a Rodoviária) e trecho da N2 (da W3 à N1) -Via L1-Sul (da SQS 216/416 a 212/412) e (entre as SQS 212/412 à 208/408) -Balão entre o CLS 102/302 e o acesso ao estacionamento do Hospital de Base; Via entre o Hospital de Base e o Sarah Kubitschek; Via entre o SHS quadras 4 e 5 -Via L1-Norte (entre as SQN 209/409 e 212/412) -Setor Hoteleiro Norte (Alça de acesso N1 a W3; Via SDN entre a Quadra 1 e o Conjunto Nacional e Via de acesso à Quadra 2)

CEILÂNDIA
-Avenida M2 (sentido Elmo Serejo – Av. Hélio Prates)

TAGUATINGA
-Via HN 16 (entre a BR 070 e Av. Hélio Prates) e Via HN 12 (Setor de Oficinas)

SAMAMBAIA
-Avenida Noroeste (da QN 427 à QS 633) e 2ª Av. Norte (da QN 413 ao Balão com a 2ª Av. Sul)

JARDIM BOTÂNICO
-Avenidas do Sol e Dom Bosco
SETOR DE INDÚSTRIAS E ABASTECIMENTO (SIA)*
-Via IA S1 (entre o Makro e o Viaduto Ayrton Senna)
NÚCLEO BANDEIRANTE*
– 2ª Avenida
GUARÁ
-Avenida Central do Guará 2 (da QI 31-Ed. Consei à QI 25-4ª DP)
RIACHO FUNDO I
-Avenida Cedro (da Av. Cedro/Av. Sucupira à ligação –Av. Cedro/EPNB)
PLANALTINA*
-Via NS-1
GAMA
-Quadra 1 conjuntos L/F; Quadra 3 conjuntos O/E e Quadra 5 conjuntos J/E do Setor Sul
RECANTO DAS EMAS
– Pistas duplas faixas 1 e 2 (da Quadra 804 Conjunto 1/Av. Monjolo à Quadra 804 Conjunto 20/ Quadra 803 Conjunto 11); (da Quadra 804 Conjunto 3/ Quadra 803 Conjunto 10 à Quadra 804 Conjunto 3/ Quadra 803 Conjunto 9); (do Balão Av. Monjolo-804 Conjunto 1 à Quadra 803 Conjunto 2); (do Balão Av. Monjolo à Av. Monjolo/EPCT- Quadra 601/801); (da Quadra 801 Cj.3/EPCT à Quadra 801 Conjunto 4/EPCT) e (da Quadra 802 Conjunto 13A/Contorno à Quadra 802 Conjunto 12A/Contorno)
RIACHO FUNDO II
-Av. Central, pista dupla faixas 1 e 2 (da QC 3 Conjunto 1/QC 4 à QC 3 Conjunto 10/QC 4)
ÁGUAS CLARAS
-Avenida Parque Águas Claras  

*Operações noturnas, das 21h às 3h.

 

Fonte: Agência Brasília

fddaf21aff0abfce4ca93cdbaf5797f3 XSFoto: Lula Lopes / Arquivo

 

Ao todo, foram 115 mil inconsistências no envio do Livro Fiscal Eletrônico identificadas após reclamações de contribuintes

Cerca de 7 mil estabelecimentos comerciais do Distrito Federal, cadastrados no programa Nota Legal, apresentaram inconsistências no Livro Fiscal Eletrônico (LFE), identificadas pela Secretaria de Fazenda (SEF/DF) após analisar reclamações feitas por consumidores.

 

O não preenchimento correto dos dados pode acarretar multa de R$ 65,63 para cada documento fiscal contestado. Por isso, servidores da pasta convocaram representantes dos estabelecimentos para corrigir as falhas antes da aplicação da multa.

Ao todo, 115 mil reclamações foram consideradas procedentes e serão encaminhadas pela pasta para autuação, caso não ocorra a declaração correta do documento fiscal no LFE a tempo. A falta de informações nos blocos de documentos, da base de cálculo das operações ou do número do CPF do adquirente foram os principais problemas encontrados.

“A maior parte dos erros das empresas emitentes dos documentos fiscais se deve a problemas técnicos na geração do Livro Fiscal Eletrônico, como má configuração do aplicativo utilizado na emissão”, afirmou o gestor da Gerência de Execução de Projetos Especiais, José Ribeiro da Silva Neto.

AUTUAÇÕES – Segundo Ribeiro, foram emitidas mais de 196 mil multas em 2013, de uma a 1.755 por empresa. Comparado aos anos anteriores, representou um crescimento de 443% (veja tabela abaixo).

 Ano

Nº de multas

2010

7.804

2011

30.482

2012

36.100

2013

196.233

O incremento se deu após a implementação do Auto de Infração Coletivo – quando a Secretaria de Fazenda passou a agrupar em um só documento todas as multas destinadas a determinada empresa. “Antes, era gerado um auto para cada reclamação analisada como procedente, o que aumentava em muito o custo processual das autuações”, explicou Ribeiro.

O comparativo entre o número de documentos fiscais e o de reclamações ao longo do tempo sinaliza o aumento das declarações espontâneas das empresas, o que reduziu as contestações dos consumidores.

Empresas e escritórios de contabilidade devem estar atentos para identificar a causa e solucionar o problema rapidamente, para evitar o desgaste de imagem com o cliente, e posteriores autuações pelo governo.

ACOMPANHAMENTO – A Secretaria de Fazenda disponibiliza na área restrita do Agenci@Net diversas consultas para monitorar os documentos fiscais declarados e a situação das eventuais reclamações.

A qualquer momento podem ser feitas retificações no Livro Fiscal Eletrônico e, quando realizadas antes das autuações, evitarão a aplicação da multa. “Se a declaração do documento for posterior à aplicação da penalidade, o envio do LFE não possibilitará a anulação”, advertiu Ribeiro.

Semanalmente, a SEF/DF realiza reuniões com os representantes contabilistas para sanar dúvidas em relação ao correto envio do LFE e outras sobre o Nota Legal. Desde que a iniciativa surgiu, em abril de 2012, mais de 495 contadores participaram das reuniões realizadas, sempre às quintas-feiras, no período vespertino.

Os interessados devem se inscrever pelo site do Conselho Regional de Contabilidade do DF clicando no banner LFE. As reuniões têm o limite de 20 contadores por encontro.

 

Fonte: Secretaria da Fazenda/ Agência Brasília

 

fotored.1Nascido há 49 anos em Goiânia, José Rubens Cabral Filho (Tito) é servidor aposentado do Governo do Distrito Federal, Bacharel em Direito pela Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas (FACITEC). Exerceu o cargo de Auxiliar de Enfermagem na Fundação Hospitalar do Distrito Federal entre os anos de 1986 e 1991.

Em 1991 ingressou na Polícia Civil do Distrito Federal, investido no cargo de Agente de Polícia Civil, permanecendo na instituição até outubro de 2013, oportunidade em que aposentou-se por tempo de serviço.

Atuou também como Assessor Parlamentar na Câmara Legislativa do Distrito Federal de 2007 a 2009. Recentemente ocupava o cargo de Chefe do Núcleo de Prédios e Próprios da Administração Regional do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). Até ser convidado pelo Governador Agnelo Queiroz, em março de 2014, para ocupar o cargo de Administrador Regional do (SIA). Nomeado dia 25 de março de 2014.

 bcefe2daec5c990af16f04c29ad40c71 XS

 

Evento será disputado no Autódromo de Brasília, neste sábado (29) BRASÍLIA 

 A Secretaria de Esporte abriu, nesta quarta-feira (26), mais 300 vagas para 1ª Corrida da Promoção de Igualdade Racial, que será realizada no próximo sábado (29) março de 2014, a partir às 17h, no Autódromo de Brasília. O evento é realizado em parceria com a Secretaria da Igualdade Racial, e tem como objetivo discutir a promoção da igualdade racial no esporte. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site da Secretaria de Esporte. Os interessados devem ter acima de 16 anos. Durante a inscrição o corredor escolherá entre os percursos de 5km ou 10km.

 

Fonte: Secretaria de Esporte

94640de9e7f3533e346d495f8bd6ea88 XS

Estabelecimentos que não cumprirem as restrições serão penalizados

SCIA (20/3/14) – Os bares, casas de shows e comércios similares que comercializam bebidas alcoólicas, localizados no Setor Complementar de Indústria e Abastecimento (SCIA), deverão funcionar, a partir desta quinta-feira (20), com horários reduzidos, conforme ordem de serviço publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF).  

Os estabelecimentos poderão funcionar de domingo a quinta-feira, das 8h às 22h. Às sextas, sábados e feriados os comerciantes deverão fechar as portas às 23h. Os quiosques, bares ambulantes e similares ficam proibidos de venderem bebida alcoólica ou de terem música mecânica, automotiva ou ao vivo, sendo permitida, apenas, som ambiente.  

A Agefis será a responsável por fiscalizar o cumprimento das novas regras. Os estabelecimentos que não cumprirem as restrições serão penalizados. Todos os comerciantes deverão obter a Licença de Funcionamento na Administração Regional do SCIA.  

RESTRIÇÕES – No Distrito Federal, mais de 80% das regiões administrativas têm restrições nos horários de funcionamento do comércio. São elas: Brasília, Gama, Taguatinga, Brazlândia, Sobradinho, Planaltina, Paranoá, Ceilândia, Guará, Cruzeiro, Samambaia, São Sebastião, Recanto das Emas, Riacho Fundo I, Águas Claras, Varjão, Park Way, SCIA, Itapoã, Sudoeste/Octogonal, Candangolândia, Santa Maria, Fercal, Vicente Pires, Sobradinho II e Jardim Botânico.

 

Fonte: Agência Brasília

 a06b11ff23d609292f6e9d0d03732953 XS

 

Mais de 3 mil pessoas se cadastraram para concorrer às 700 vagas oferecidas BRASÍLIA (21/3/14) – O sorteio para preenchimento das 700 vagas abertas no último processo seletivo do programa “Fábrica Social” será feito nesta sexta-feira (21), às 11h. São mais de 3 mil inscritos, que se cadastraram até essa quinta-feira (20). O sorteio, realizado de forma eletrônica, é aberto ao público para garantir a transparência do processo. Interessados podem comparecer ao Centro de Capacitação Profissional – Fábrica Social, localizado no SCIA, Quadra 14, Conjunto 2, Lote 16 – Cidade do Automóvel. Os sorteados terão de 31 de março a 11 de abril para efetuarem as matrículas, na sede do programa. Na ocasião, a documentação dos candidatos será avaliada, e o cumprimento dos pré-requisitos dos selecionados será verificado. Divididas em turnos, as oficinas de capacitação poderão durar até seis horas. Todos os produtos fabricados serão doados a escolas públicas do DF e órgãos administrativos do GDF. Entre os cursos oferecidos pelo Centro de Capacitação estão: bordado industrial; serigrafia; corte, costura e confecção de uniformes; corte e costura de laminados (material usado para fazer bolas esportivas); confecção de bolas e redes esportivas; operação e manuseio de máquinas e equipamentos industriais. SELEÇÃO – Os participantes do programa “Fábrica Social” devem ter idade mínima de 16 anos, estarem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais, terem renda familiar de até R$ 140 e terem o cadastro atualizado no Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Além disso, são destinadas 5% das vagas para cada um dos seguintes grupos: idosos, pessoas com deficiências e adolescentes em conflito com a lei. Esses, devem ter entre 14 e 18 anos de idade incompletos, terem cumprido a medida socioeducativa ou estarem em regime semiaberto ou aberto.

 

Fonte: Agência Brasília

corrida racial

 

Evento é uma comemoração ao Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial

 

BRASÍLIA (20/3/14) – O lançamento da 1ª Corrida da Promoção da Igualdade Racial será realizado nesta quinta-feira (20), às 11h30, no gabinete da Secretaria de Esporte. A solenidade contará com a presença de autoridades e atletas da cidade.

A iniciativa – realizada em alusão ao Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial, celebrado em 21 de março – é resultado conjunto entre as Secretarias de Esporte e de Promoção da Igualdade Racial.

O objetivo é promover a discussão da promoção da igualdade racial no esporte. A corrida, que contará com cerca de mil participantes, está marcada para o dia 29 de março, a partir das 17h, no Autódromo de Brasília.

Durante o lançamento será anunciada a data de abertura das inscrições, que serão gratuitas. Os interessados deverão se cadastrar no site www.corredorderua.com.br.

Para participar, é necessário ter acima de 16 anos. Durante a inscrição o corredor escolherá entre os percursos de 5Km ou 10Km.

 

SERVIÇO:

Lançamento da 1ª Corrida da Promoção da Igualdade Racial

Data: 20/3/14

Horário: 11h30

Local: SEPN 509 Ed. Nazir I 2° andar- Gabinete

 

Fonte: Agência Brasília

93728cdbcf73ece15962bd85ec7b42ab XS

Foto: Bianca Lima / Arquivo

 

O  projeto Vitrines Culturais foi criado pelo Ministério da Cultura e a Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República, para promover a exposições e comercialização de produtos artesanais em todos cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. As exposições acontecerão nas “Fifa Fan Fest” e espaços culturais das cidades-sede dos jogos, entre os dias 12 e 13 de Julho de 2014.

Artesãos de todo o Distrito Federal podem se inscrever, até o dia 6 de abril, no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab), coordenado pelo “Programa do Artesanato Brasileiro” (PAB). Clique aqui.

Devem ser selecionadas pelo edital 60 mil peças produzidas de forma individual ou por grupos produtivos, núcleos, associações ou cooperativas de artesãos.

Serviço:

Projeto Vitrines Culturais Data: 12 de junho a 13 de julho de 2014 Inscrições até 06 de abril pelo sistemas.cultura.gov.br/propostaweb

Informações:   vitrinesculturais2014@cultura.gov.br

 

Com informações: Ministério da Cultura / Agência Brasília

c4fecaa262b98f9bb0866d705f15b717 M

De março a novembro, a Coordenadoria das Cidades e o SEBRAE realizarão cursos gratuitos para produtores rurais, microempresas, empresas de pequeno porte e microempreendedores individuais.

Os cursos ensinarão como vender para o governo por meio de sites de compras utilizados pelos gestores públicos, os benefícios da Lei nº 4.611/2011, as possibilidades de sucesso e como participar de licitação pública

Com intuito de fomentar a economia local a partir dos pequenos negócios, o Governo do Distrito Federal – por meio da Coordenadoria das Cidades, da Casa Civil, e das Administrações Regionais –, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), lançou em 2008 o programa Territórios da Cidadania.

O programa oferece capacitação e apoio a políticas de desenvolvimento econômico nas 31 regiões administrativas. Com isso, o GDF cumpre a Lei nº 4.611/2011, que orienta sobre o tratamento simplificado e favorecido aos micros e pequenos empresários do Distrito Federal.

Além disso, prepara os pequenos empreendedores locais para participarem dos processos de compras públicas diferenciada. O programa também capacita os Agentes de Desenvolvimento Territorial (ADTs), responsáveis pela promoção do desenvolvimento local nas cidades.

Lei nº 4.611/2011

Entre os principais objetivos da lei do microempreendedor individual, está a desburocratização, a socialização da informação e dos recursos, o incentivo à formalização e a transparência. Para isso, a legislação oferece uma séria de benefícios como: direito de preferência, direito de saneamento, licitação exclusiva para entidades preferenciais até R$ 80 mil, cota reservada para as entidades preferenciais para aquisição de bens, serviços e obras de natureza divisível até 25% e subcontratação compulsória.

As inscrições devem ser feitas por meio do telefone 0800.570.080. As vagas são limitadas.

 

ComprasGovernamentais

 

Fonte: Coordenadoria das Cidades

 

 7a427d49961f6c66e721ada7e5cdcda1 XS

Foto: Glaucya Braga/GDF

Recursos federais serão aplicados nos eixos Norte e Sudoeste do Expresso DF e na ampliação do metrô  

 BRASÍLIA (13/3/14) – O sistema de transporte público do Distrito Federal recebeu reforço orçamentário, nesta quinta-feira (13), com a destinação, pela presidenta Dilma Rousseff, de R$ 1,59 bilhão do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Mobilidade. O recurso será usado, prioritariamente, na implantação dos eixos Norte e Sudoeste do Expresso DF, e melhorias no metrô.

“Essa é uma conquista extraordinária e é a consolidação de uma política de transporte público no Distrito Federal. Com esse investimento, toda a população do DF sairá ganhando, já que nós vamos fazer o Expresso Norte e mais estações de metrô, além de adquirir 10 carros modernos para o metrô”, explicou o governador Agnelo Queiroz, acompanhado do vice-governador, Tadeu Filippelli.

Pelo planejamento do governo, mais de 60% do orçamento destinado pelo Planalto, R$ 1,05 bilhão, será empregado nas obras do Expresso DF – Eixo Norte, que ligará a Rodoviária do Plano Piloto e o futuro terminal da Asa Norte a Sobradinho e Planaltina. O corredor terá 60km de extensão, 50 estações, e beneficiará cerca de 400 mil usuários do transporte público.

Outro projeto atendido pelo PAC é o Expresso DF – Eixo Sudoeste, para o Recanto das Emas, Riacho Fundo I e II, Núcleo Bandeirante, Candangolândia, Arniqueiras e Área de Desenvolvimento Econômico (ADE), localizada em Águas Claras.

Além dos corredores exclusivos destinados aos ônibus, o Governo do Distrito Federal investirá parte dos recursos federais no sistema de metrô local com a aquisição de 10 novos trens e a implantação, ao custo de R$ 75 milhões, das estações da 104, 106 e 110 Sul.

A grande novidade para o Distrito Federal proporcionada com esse aporte de recursos será a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). A expectativa é adquirir 10 trens para início de operação do trecho 1, que ligará o aeroporto ao Terminal da Asa Sul. Somente para esse projeto serão empregados R$ 120 milhões.

Em discurso, que durou aproximadamente 15 minutos, a presidenta Dilma Rousseff destacou a importância da liberação dos recursos não só para o DF, mas para todo o país. Ela lembrou que o PAC faz parte de uma nova concepção do governo federal sobre a mobilidade urbana, e que as mudanças somente são feitas trabalhando em conjunto com os gestores das unidades da Federação.

“Há três anos começamos a construir uma parceria com os estados e com os municípios para selecionar investimentos em mobilidade urbana. As obras são identificadas por governadores e prefeitos, porque são eles que conhecem a realidade e a demanda das regiões. Essa é uma parceria importante porque, até então, o governo federal (em gestões anteriores) não se julgava responsável por fazer obras de mobilidade urbana”, disse a presidenta Dilma.

De acordo com o secretário de Transportes do DF, José Walter Vazquez, a liberação dos recursos pelo governo federal chegou no momento exato em que o Executivo local coloca em prática uma das maiores obras de mobilidade urbana do país, o Expresso DF Sul, que liga Santa Maria e Gama ao Plano Piloto.

Vazquez ressaltou que as novas intervenções em mobilidade urbana no DF devem começar ainda este ano.

“Uma obra pública, do anúncio até a conclusão, demora três anos. Então, nós vamos ter a liberação do recurso, a licitação da obra, e acredito que a execução das obras leve de 18 a 24 meses. Esse dinheiro representa o coroamento de uma visão que estava no PDTU (Plano Diretor de Transporte Urbano) e um compromisso deste governo”, frisou o secretário.

Os investimentos anunciados pela presidenta totalizam um montante de R$ 3,8 bilhões, que financiarão projetos em diversas cidades brasileiras, além do Distrito Federal. Entre os estados beneficiados estão Goiás, Tocantins, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Maranhão e Rio Grande do Norte.

 

Fonte: Agência Brasília / F.M

e193d88df392b7cd50fc99c35aaf2adc XS

 Consumidores conhecerão a variação de preços dos hortifrutigranjeiros na capital do país

O recém-criado IC/DF retrata a movimentação de preços específica do setor hortifrutigranjeiro e surgiu devido à escassez desses itens nos demais índices, como o IPCA e o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM), que acompanham apenas 20 desses produtos. Para o IC/DF, foram escolhidos 65 itens baseados no consumo dos brasilienses. O índice será divulgado todo os meses assim como é feito com o IPCA.

SERVIÇO:

Divulgação do IPCA e ICDF referente a fevereiro

Data: 12/3 – quarta-feira

Horário: 14h30

Local: Setor de Administração Municipal, projeção H, Ed. Codeplan, 2º andar – Auditório Francisco de Assis Rodrigues

 

Fonte: Agência Brasília / Codeplan

64e49be1aa32e413102dab8f0088729e XS

 

Foto: Divulgação

 

Previsão é que em abril sejam iniciadas as transmissões digitais para todo o DF

  

BRASÍLIA (10/3/14) – As emissoras de TV aberta de Brasília começaram hoje os trabalhos na Torre de TV Digital para a instalação das antenas que transmitirão o novo sinal para a capital do país. A previsão é que em abril sejam iniciadas as transmissões digitais para os televisores.

Cada uma das duas antenas pesa em torno de duas toneladas e estão sendo içadas por um fio de aço até o topo da torre. Segundo a Terracap, a expectativa é que até a próxima semana elas estejam firmadas no alto do monumento. Os trabalhos serão concluídos no prazo, caso não ocorram chuvas fortes.

O GDF aproveitou o fechamento do espaço para fazer reparos pontuais na infraestrutura e obras de impermeabilização, por isso não existe prazo para a reabertura ao público.

Inaugurada em 21 de abril de 2012, a torre foi o último projeto feito por Oscar Niemeyer para Brasília. Conhecida como 'Flor do Cerrado', o monumento tem 170 metros de altura, sendo 120m de concreto e 50m de estrutura metálica. Com a instalação das antenas, a Torre de TV Digital terá um total de 182 metros.

 

Fonte: Agência Brasília / Terracap

 

 

O QUE É COLETA SELETIVA?

  

Coleta seletiva é o recolhimento de materiais recicláveis (papel, plástico, metal e vidro) que não devem ser misturados ao lixo comum das residências ou local de trabalho. Trata-se de um cuidado dado ao resíduo que começa com a separação dos materiais em orgânicos e inorgânicos, e, em seguida, com a disposição correta para o reaproveitamento e reciclagem.

 

De forma a sensibilizar as pessoas para questão do correto tratamento que os resíduos sólidos produzidos no dia-a-dia devem receber, seja nos ambientes públicos ou privados, a coleta seletiva também funciona como um processo de educação ambiental, na medida em que conscientiza as pessoas sobre os problemas do desperdício de recursos naturais e da poluição causada pelo lixo. 

 

Os principais benefícios da implantação da Coleta Seletiva são: 

 

• Ambientais: 

 

– Aumento da vida útil dos aterros sanitários, a partir da diminuição de resíduos que deixarão de ir para estes locais;

– Aumento do ciclo de vida das matérias-primas de cada resíduo coletado e reaproveitado;

 

• Sociais: 

 

– Geração de trabalho e renda aos catadores de materiais recicláveis;

– Resgate da cidadania dos catadores por meio de sua organização em cooperativas e associações.

 

• Educacionais:

 

– Estímulo à mudança de hábitos e valores no que diz respeito à proteção ambiental, conservação da vida e desenvolvimento sustentável.

 

• Culturais:

 

– Criação de novas práticas de separação dos resíduos, considerando que os materiais recicláveis permeiam por todas as atividades sociais.

 

• Econômicos:

 

– Redução de gastos com aterramento dos resíduos;

– Diminuição de gastos com a limpeza pública;

 

 

  

RECICLAGEM
É o processo de transformação de um material, cuja primeira utilidade terminou, em outro produto. Além de preservar o meio ambiente, a partir do momento que minimiza a retirada de nova matéria prima, também gera riquezas aos catadores de materiais recicláveis.

 

Materiais recicláveis:

 

Plásticos:

– Garrafas, embalagens de produtos de limpeza;

– Potes de creme, xampu, condicionador;

– Tubos e canos;

– Brinquedos;

– Sacos, sacolas e saquinhos de leite;

– Isopor.

 

Metais:

– Molas e latas;

– Latinhas de cerveja e refrigerante;

– Esquadrias e molduras de quadros.

 

Papel e papelão

– Jornais, revistas, impressos em geral;

– Papel de fax;

– Embalagens longa-vida.

 

Vidro:

– Frascos, garrafas;

– Vidros de conserva.

 

Materiais não recicláveis:

 

– Cerâmicas;

– Vidros pirex e similares;

– Acrílico;

– Lâmpadas fluorescentes;

– Papéis plastificados, metalizados ou parafinados (embalagens de biscoito, por exemplo)

– Papéis carbono, sanitários, molhados ou sujos de gordura;

– Fotografias;

– Espelhos;

– Pilhas e baterias de celular (estes devem ser devolvidos ao fabricante);

– Fitas e etiquetas adesivas.

 

 

RESÍDUOS SÓLIDOS

 

Quando falamos em resíduos sólidos, estamos nos referindo a algo resultante de atividades de origem urbana, rural, industrial, de serviços de saúde, entre outros.

Esses materiais gerados nessas atividades são potencialmente matéria prima e/ou insumos para produção de novos produtos, ou ainda, fontes de energia.

Ao separamos os resíduos, estamos promovendo o primeiros passo para sua destinação adequada, permitindo assim, várias frentes de oportunidades como: a reutilização, a reciclagem, melhor valor agregado ao material a ser reciclado e melhores condições de trabalho para os catadores de materiais recicláveis. Outras frentes são a compostagem, o aumento do tempo de vida dos aterros sanitários e menor impacto ambiental quando da disposição final dos rejeitos.

 

O que é uma Central de Triagem?

 

É o local para onde são encaminhados os resíduos da coleta seletiva. Este material previamente separado e coletado em residências e comércios será dividido de acordo com a tipologia, para depois ser prensado e, posteriormente, comercializado para as indústrias recicladoras.

A central de triagem é destinada às cooperativas e associações de catadores que hoje trabalham coletando materiais recicláveis no aterro sanitário, órgãos governamentais, e até mesmo, nas quadras residenciais e comerciais do Distrito Federal.

RESÍDUOS NÃO RECICLÁVEIS

 

O Serviço de Limpeza Urbana orienta aos cidadãos responsáveis pela destinação final dos resíduos sólidos que separem estes materiais de duas formas: seco e orgânico. São considerados materiais orgânicos: papel-carbono, etiqueta adesiva, fita crepe, guardanapos e papel toalhas usados, fotografias, filtro de cigarros, papel sujo ou engordurado, fraldas descartáveis, copos de papel, embalagem emplastificadas, cabos de panela e tomadas, clipes, grampos, esponjas de aço, canos, espelhos, cristais, cerâmicas, porcelana, gesso, além do resto de alimentos de origem vegetal e animal.

 

COMPOSTAGEM

 

O lixo orgânico é o lixo que pode ser transformado em composto orgânico, ou seja, por meio de um processo chamado compostagem, vira adubo que pode ser utilizado em hortas e jardins. É o material separado na triagem dos resíduos não recicláveis e feito basicamente como sobras de alimentos, cascas de frutas e legumes, folhas e plantas.

 

LÂMPADAS

 

As lâmpadas fluorescentes são constituídas por material tóxico, como o vapor de mercúrio muito nocivo a saúde humana e ao meio ambiente. Portanto, seu descarte não pode ser feito no lixo comum e sim entregue no local onde foi adquirido. Algumas empresas, como Leroy Merlin, Carrefour e grandes atacadistas, recolhem em pequenas quantidades as lâmpadas de seus clientes.

 

Já o Serviço de Limpeza Urbana está atento ao acordo setorial em discussão entre o Ministério do Meio Ambiente e empresas fabricantes de lâmpadas fluorescentes, que estabelecerá as competências e deveres de todos os interessados. 

 

PNEUS

 

Um dos grandes problemas quando se fala em resíduos sólidos são os pneus. Apesar de já existirem inúmeras alternativas para minimizar os impactos negativos desse material ao meio ambiente, os pneumáticos descartados indiscriminadamente podem causar grande prejuízo à vida humana, pois, além de seu tempo de degradação ser indeterminado, eles podem contribuir para assoreamentos e enchentes, além de servir de abrigo para o mosquito da Dengue.

 

Por força da Lei 12.305 que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos e, consequentemente a Logística Reversa, que determina a obrigatoriedade do recolhimento dos pneumáticos por seus produtores, o Serviço de Limpeza Urbana – SLU, mantém uma parceria com a empresa Reciclanip, que recolhe todo este material produzido no Distrito Federal. Assim, o SLU disponibiliza locais (Núcleo de Limpeza do Gama, Sobradinho e Asa Norte) para a entrega dos pneus usados e inservíveis, além de fazer a coleta diária quando há o descarte em locais impróprios.

 

LIXO ELETRÔNICO 

 

Lixo Eletrônico é todo resíduo produzido pelo descarte de equipamentos eletrônicos, como: computadores e periféricos (teclado, monitor, mouse, webcam), telefones, celulares, pilhas, baterias,  televisores, câmeras fotográficas, impressoras.

 

O Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal disponibiliza 13 núcleos em algumas regiões administrativas, onde funciona o Ponto de Entrega Voluntária (PEV), destinado a receber o lixo eletrônico.

  

Cuidados com o lixo doméstico

 

Simples lâmpadas, copos, louças e embalagens de vidro podem não parecer perigosos, mas são um risco em potencial, já que podem quebrar com o manuseio. É preciso procurar um material mais rígido para o acondicionamento, como jornal, papelão, latas, garrafas pet ou mesmo embalagens de leite. Os cacos de vidro podem ser embalados dentro de latinhas de leite em pó ou achocolatado. Outra possibilidade é cortar uma caixa de leite ao meio, promovendo um encaixe.

 

Materiais perfurantes como pregos, parafusos, arames e, até mesmo, as lascas de madeiras, devem ser colocados em latas, embalagens plásticas ou embrulhados em grandes volumes de jornal. Quanto aos pregos e parafusos, é interessante entortá-los com martelo, sempre que possível. A tampa serrilhada da lata de conserva também pode machucar e a recomendação é dobrá-la para dentro, pois assim a serrilha estará protegida pela própria lata. E por fim, caso o volume do lixo seja excessivo ou muito pesado, deve-se utilizar dois sacos para acondicioná-lo.

 

Locais e horários de coleta no S.I.A

 

Trechos 1/2/3 – Seguanda e quarta – 15:00 às 17:00

Trecho 4 / Setor de Inflamáveis / Setor de Chácaras Lucio Costa – Seguanda e quarta – 17:00 às 19:00

QD 1 a 5 / Trecho 6 – Terça e quinta- 15:00 às 17:00

Trecho 8 a Trecho 17 / Setor de Carga / Ceasa / Conab – Terça e quinta – 17:00 às 19:00

 

Mais informações: http://www.slu.df.gov.br/gestao-de-residuos/coleta-seletiva.html

 

 

Fonte: SLU

 

                                             38faaab046c8b532248ae21fbb6c8694 XS

                                                                                                                 Foto: Mary Leal

 

 

Operação ocorreu na Feira dos Importados, no SIA, e resultou em seis detidos e 5 mil pares de calçados confiscados

  BRASÍLIA (6/3/14) – O Comitê de Combate à Pirataria do DF apreendeu hoje aproximadamente 5 mil pares de calçados falsificados na Feira dos Importados do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). Seis feirantes foram presos, e a mercadoria, levada ao depósito, foi avaliada em cerca de R$ 750 mil.

“Esse ano resolvemos partir para uma operação com foco nos calçados, porque a mídia pirateada está controlada. Nessa apreensão, várias marcas grandes foram falsificadas”, explicou o chefe da Delegacia de Combate aos Crimes de Propriedade Imaterial (DCPim), Luiz Henrique Sampaio.

A ação, que contou com a participação total de 35 agentes da Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops) e da DCPim, ocorreu por volta das 11h e teve como alvo seis lojas do bloco C do centro comercial, que foram identificadas durante as investigações.

A operação só foi possível devido ao registro de uma representação criminal por parte das empresas lesadas pela falsificação. O preço médio de venda dos calçados apreendidos era de R$ 150, enquanto nas lojas convencionais os produtos originais chegam a custar até R$ 950.

“Nossa meta para este ano é legalizar as feiras – ao permitir somente a venda de produtos originais – e, consequentemente, diminuir a oferta de materiais falsificados nas ruas do DF”, afirmou o subsecretário de Operações da Seops, Carlos Alencar.

A operação recolheu 350 sacos plásticos, o que somou aproximadamente três toneladas de produtos apreendidos – quase um terço dos calçados era destinado ao público infantil.

Uma amostra dos calçados será enviada para perícia que comprovará a falsificação, enquanto o restante ficará no depósito de produtos apreendidos. Após esse processo, os produtos estarão à disposição da Justiça, esperando autorização para serem destruídos.

Os seis detidos foram liberados depois de assinar um termo circunstanciado em que se comprometeram a comparecer à Justiça quando chamados. Eles devem responder por crime contra propriedade industrial, com pena de um a três meses de prisão, que pode ser revertida em pagamento de multa.

 

Fonte: Agência Brasília /

 

                                       1b7de2e31827c8ac8496fb8e0e6b5428 XS

Interessados em trabalhar na Copa do Mundo FIFA têm até 16 de março para se inscrever e garantir a participação no maior evento de futebol do planeta

 BRASÍLIA (5/3/14) – Boa notícia para quem tiver interesse em uma experiência como voluntário na Copa do Mundo FIFA. As inscrições do programa “Brasil Voluntário”, do governo federal, foram prorrogadas até o dia 16 de março. São mais 10 dias para se inscrever e participar da seleção, que escolherá até 1,5 mil pessoas em cada uma das 12 cidades-sede. Entre elas Brasília, que será palco de sete jogos no Mundial.

A coordenadora do programa “Brasil Voluntário” do GDF, Helena de Lima, explica que os voluntários precisam ser dedicados e carismáticos. “Eles têm de estar preparados para lidar com o público, tirando dúvidas, orientando ou ajudando”, recomendou.

Isso porque os selecionados atuarão de forma integrada ao programa de voluntariado da FIFA e prestarão auxílio a torcedores, imprensa não credenciada e turistas, em aeroportos, áreas de fluxo (como centros comerciais e pontos turísticos), entorno dos estádios e eventos de exibição pública, além de áreas de mobilidade urbana (como terminais de ônibus e estações de metrô) e centro aberto de mídia nas cidades onde este serviço estiver disponível.

Brasileiros de todo o país podem se inscrever para qualquer cidade-sede do evento, mesmo que não morem no local. No entanto, o programa não prevê auxílio para deslocamento e hospedagem durante o treinamento e a competição. Os candidatos precisam estar atentos, pois os selecionados para as fases de treinamento e atuação receberão as informações por e-mail. Por isso, é muito importante verificar todos os dados antes de confirmar a inscrição.

Na hora de se inscrever, os candidatos precisam escolher o local de atuação. No Distrito Federal, o treinamento das equipes será dado pela Universidade de Brasília (UnB). Após serem convocados por e-mail, os selecionados poderão acessar a plataforma e completar a capacitação a distância. A seleção inclui, ainda, um treinamento presencial, durante quatro fins de semana em cada cidade-sede, entre maio e junho.

SERVIÇO:
O que é o programa “Brasil Voluntário”? O governo federal escolherá até 1,5 mil voluntários em cada uma das 12 cidades-sede para a Copa do Mundo da FIFA™.
Como participar? As inscrições para concorrer a uma vaga têm de ser feitas pelo site www.brasilvoluntario.gov.br.

Qual o período das inscrições? Até 16 de março.
Quais os requisitos? Ter no mínimo 18 anos e disponibilidade para atuar por pelo menos sete dias, seguidos ou não. Não há limite máximo de idade.
Como saber se foi selecionado? Os voluntários classificados para as fases de treinamento e atuação receberão as informações por e-mail.
Quando saem os resultados da seleção? Depois de 16 de março, haverá duas etapas de treinamento, com datas ainda a serem marcadas. O resultado das avaliações também será dado por e-mail.

 

Fonte: Agência Brasília/ Comcopa

 

Eventos serão promovidos em Brazlândia e Recanto das Emas  

 As duas últimas audiências públicas sobre regularização de áreas serão realizadas, nesta semana, nas cidades de Brazlândia e do Recanto das Emas, pela Secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano (Sedhab) e pela Companhia de Desenvolvimento Urbano (Codhab).

Nesta terça-feira (28), estão marcados encontros com os moradores dos becos de Brazlândia, na Administração Regional da cidade, às 19h. Já na quarta-feira (29), será a vez dos moradores do Recanto das Emas se reunirem com os técnicos da Codhab para tratar das pontas de quadra na região. Essa audiência será no auditório comunitário, na Quadra 206/300, às 19h.

A Secretaria de Habitação realizou mais de 20 audiências públicas durante todo o mês de janeiro nas cidades de Ceilândia, Taguatinga, Brazlândia, Recanto das Emas e Gama.

Os moradores receberam orientações sobre o processo de regularização de suas áreas. A realização das audiências é uma exigência da Lei Orgânica do Distrito Federal para que a comunidade tenha conhecimento do Projeto de Lei Complementar que será encaminhado à Câmara Legislativa para análise dos parlamentares.

 

Fonte: Agência Brasília, com informações da Sedhab

                                                     624cf7f3735f883ce6226571ae0710a1 XS

 

                                                                                                                          Foto: Dênio Simões/GDF

 

Tomaram posse 249 membros da sociedade civil e 310 da administração pública  

O governador Agnelo Queiroz empossou, nesta segunda-feira (20), 559 membros dos Conselhos Locais de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (CLP). Cada cidade do DF formará um grupo com 20 representantes, além do administrador regional, que será o presidente e terá a responsabilidade de coordenar o diálogo entre população e governo.
Foram empossados 249 membros da sociedade civil e 310 da administração pública. Os representantes da sociedade civil foram eleitos na 5ª Conferência Distrital das Cidades, ocorrida em setembro de 2013.
“Essa posse é um avanço da participação popular em nosso governo. Sabemos da necessidade de construir uma cidade melhor para toda a vida. Através dessa ação iremos construir uma cidade mais sustentável e melhor para viver”, destacou o governador Agnelo Queiroz.
As propostas dos Conselhos serão remetidas periodicamente à aprovação do Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) até que os Conselhos das Unidades de Planejamento Territorial do DF (CUP) sejam regulamentados.
Para o administrador de Planaltina, Nilvan Vasconcellos, esta iniciativa demonstra a importância que o GDF dá à participação social. “Agora, as resoluções do planejamento local não irão mais ficar presas a uma só decisão. A partir de um debate coletivo com a sociedade iremos construir a melhor proposta para a cidade.”
Esta é a primeira vez na história do DF que os Conselhos Locais de Planejamento são constituídos nas cidades. “A população tem o direito de influenciar nas decisões do governo e o diálogo precisa ser permanente. O conselho trabalhará durante os próximos anos para dar continuidade ao debate e trazer as discussões aos órgãos”, enfatizou o secretário de Habitação, Geraldo Magela.
Moradora do Itapoã, a nova conselheira Cristiane Pereira acredita que a partir de agora a sociedade será ouvida. “Vamos poder levar nossos principais problemas ao governo e assim buscaremos as melhorias desejadas. Essa é uma excelente iniciativa do governador”, concluiu.

 

Fonte: André Carvalho, da Agência Brasília

Neste mês de novembro a Administração Regional do SIA, contou com o apoio da equipe de reparos da Companhia Urbanizadora da Noca Capital do Brasil (Novacap) para recuperar vias da Feira dos Importados.

Os reparos na malha asfáltica foram feitos em trechos da feira com maior índice de buracos. Devido ao período de chuva, os trabalhos foram realizados com maior rapidez, para evitar transtornos.

A operação tapa buraco tem sido um trabalhado constante, realizado durante todo ano na cidade.

 

 

                                             IMG 9926

                                             IMG 9931

                                             IMG 9934

                                             IMG 9936

Fotos: Lídia Barrense

A administração Regional do SIA realizou neste mês de novembro a demarcação de 80 vagas de estacionamento no trecho 5. Ampliou a quantidade de vagas, como também organizou o espaço, para que os empresários e trabalhadores tenham uma melhor qualidade de vida.

Atualmente a cidade do SIA possui um déficit de 4500 vagas. Já foram criadas 520 vagas. A administração tem o objetivo de criar mais 480 vagas até o final do ano. Totalizando 1000 vagas em 2013. Para 2014 existem projetos em fase de orçamento e recurso para construção de estacionamentos no Trecho 5/6C, local próximo a Anvisa, Trecho 1/2 e Setor de Inflamáveis.

 

                                           IMG 0448

                                           IMG 0410

                                           IMG 0412

                                           IMG 0332

                                           

Nesta quinta-feira (07) de novembro, foi realizada Audiência Pública no Centro de Ensino Fundamental 1 – Setor Central A/E 3 (regiões: SAI, SCIA e Estrutural). O debate foi realizado com a população e empresários, sobre o projeto da Lei de Uso e Ocupação do Solo – LUOS (PLC nº 79/2013). Estiveram presentes, o Administrador Regional do Sia, JT; a Deputada Distrital, Eliana Pedrosa; e o Deputado, Robério Negreiros.

Essa reunião teve como objetivo tratar de temas que não foram abordados ou não atendidos, para ser incluso na proposição a ser entregue pelo GDF à Câmara Legislativa e é uma exigência da lei que instituiu o Plano Diretor de Ordenamento Territorial – PDOT (Lei Complementar nº 803/2009).

O evento faz parte do calendário de Audiências Públicas promovidas pela Comissão de Assuntos Fundiários (CAF) da Câmara Legislativa, que iniciou o ciclo de audiências em várias cidades do Distrito Federal, para debater a Lei de Uso e Ocupação do Solo (Luos) e o Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília (PPCUB).

A meta é ouvir a população e coletar sugestões para o projeto, que trata de aspectos importantes sobre o uso de terras no Distrito Federal, para que haja um controle e planejamento de cada setor.

 

Calendário de Audiências

12/11 (terça-feira), às 19h, no Teatro de Sobradinho – Qd. 12,      AE 5 (regiões: Sobradinho, Sobradinho II e Fercal)

14/11 (quinta-feira), às 19h, na Escola Técnica de Brasília,      em Águas Claras 

19/11 (terça-feira), às 19h, no auditório da Administração Regional      do Gama (regiões: Gama e Santa Maria)

21/11 (quinta-feira), às 19h, no Ginásio de Esportes do Núcleo      Bandeirante (regiões: Park Way e Núcleo Bandeirante)

23/11 (sábado), às 10h, no auditório da Administração Regional do      Guará

26/11 (terça-feira), às 19h, no Salão de Múltiplas Funções –      Av. Uberdan Cardoso – Setor de Administração de Planaltina (regiões:      Planaltina e Arapoanga)

28/11 (quinta-feira), às 19h, no auditório da Administração      Regional de Ceilândia

(Com informações: Câmara Legislativa do Distrito Federal)

 

                                           LUOS ESTRUTURAL E ADM 32

                                           LUOS ESTRUTURAL E ADM 87

                                           LUOS ESTRUTURAL E ADM 70

                                           LUOS ESTRUTURAL E ADM 122

                                

 

 

 

 

 

 

É cada vez maior a diferença entre o número de veículos e a quantidade de espaços para estacioná-los no SIA, bem como em toda a Capital Federal. Além de atrapalhar o fluxo, o problema resulta em perda de tempo, revolta do motorista e desrespeito às leis de tráfego.

Para tentar encontrar soluções para o problema no que tange o Setor de Indústria de Abastecimento (SAI), o Administrador da Regional, José Tenório (JT), visitou algumas importantes empresas do setor, foram elas Anvisa, Bungue, CONAB e SAMU. Novas visitas a outras empresas já estão sendo agendadas.

Os encontros trataram da falta de estacionamento nos vários trechos do SIA, problema que se tende a se agravar com a proximidade da Copa do Mundo e Olimíadas, eventos que prometem aumentar consideravelmente o número de veículos circulando.

O administrador do SIA se prontificou a conseguir uma solução para o caso, podendo ser debatido ainda, a possibilidade da criação de estacionamentos rotativos. JT também ressaltou que para evitar o colapso do trânsito em curto prazo, é imprescindível o investimento em transporte público de qualidade.

Vale destacar que no cenário atual 73% da frota do Distrito Federal é composta por automóveis. De acordo com o Departamento de Trânsito (Detran), há pelo menos 1.441.912 veículos em circulação. Do total, 1.052.676 são carros. Em segundo lugar, aparecem as motocicletas, que correspondem a 162.391 unidades. Além disso, se avaliados os últimos 12 anos, constata-se um crescimento de 60% da frota.

Visita à Anvisa:

IMG 8883

IMG 8894 

IMG 8903

IMG 8921

Visita à Bunge:

IMG 8811

IMG 8858


 

Visita à Conab:

IMG 8775

IMG 8783

Visita ao SAMU:

IMG 8972

IMG 8975

IMG 8964

IMG 8992

 

 

 

A Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou sessão solene na noite de sexta-feira (18) em homenagem aos 42 anos da Central de Abastecimento do DF (Ceasa) e à Semana da Alimentação Saudável. A homenagem foi sugerida pelo deputado distrital Joe Valle (PDT). Estiveram presentes, além do presidente da Ceasa Sr. Wilder da Silva Santos, produtores, clientes, empresários, lideranças regionais, estaduais e federais.

O Administrador do SIA, José Tenório (JT), também se fez presente e ao receber a palavra destacou a importância da comemoração, ressaltando que a história da Ceasa está ligada ao desenvolvimento de Brasília.

Motivos não faltam para as comemorações. Em seus 42 anos a Ceasa não só organizou o abastecimento e a comercialização no atacado de produtos hortigranjeiros em Brasília, mas, também, criou oportunidades para a diversificação e melhoria da qualidade e preços dos produtos ofertados para o abastecimento da população abrangendo todos os níveis sociais.

Sobre a Ceasa DF

A Central de Abastecimento do Distrito Federal é uma empresa da economia mista integrante do complexo administrativo do GDF, que tem como objetivo incrementar a produtividade no setor de distribuição de produtos hortigranjeiros, empregando novas tecnologias nos processos de reunião, manipulação, comercialização e comunicação, beneficiando produtores, distribuidores e consumidores.

Com uma infra-estrutura adequada para a comercialização de gêneros alimentícios, produtos e insumos agropecuários, bem como outros produtos e serviços de apoio ao abastecimento, a CEASA/DF conta com uma área de 615.592,52 m², localizada no Setor de Abastecimento Sul, Trecho 07 nº 100, Brasília – DF.

IMG 9808

IMG 9786

IMG 9869

IMG 9893

 

 

 

A Administração do SIA se reuniu na tarde do dia 15 de outubro os quiosqueiros da cidade, no auditório da Associação Brasiliense de Construtores (ASBRACO). A reunião, que contou com mais de 80 pessoas, tratou da aplicação da lei dos quiosques na cidade, seguindo determinação do governador Agnelo Queiroz de colocar todos os profissionais do setor na legalidade no DF.

O Administrador do SIA, José Tenório (JT), explicou que é necessário que todos os quiosques estejam com o cadastramento atualizado junto à Administração. “O cadastramento não é obrigatório, no entanto, quem participar dará mais um passo rumo à legalização e formalização do seu negócio”, ressaltou JT.

Na ocasião, os quiosqueiros e presidentes de Associações da categoria se mostraram otimistas ao ver o emprenho da Administração em buscar soluções para a categoria.

O SIA tem aproximadamente 270 quiosques, conforme levantamento da Administração Regional.

IMG 9637

IMG 9599

IMG 9605

Brasília reúne os fatores necessários para receber a “Gymnasiade”, o maior evento escolar do mundo, que reunirá mais de 1,7 mil atletas de 40 países, em novembro, segundo avaliação do presidente da Federação Internacional de Esporte Escolar (ISF), Andrea Delpin. 

“A infraestrutura dos locais está adequada e o comitê de Brasília nos deu provas de que são bons organizadores. Além disso, o Brasil é um país favorito para nós, porque respeita a missão de educar com o uso do esporte nas escolas”, elogiou o presidente, que visitou os espaços das competições, após ser recepcionado hoje pelo governador Agnelo Queiroz em seu gabinete.

O governador destacou que receber a “Gymnasiade” fortalecerá as políticas públicas voltadas para o desporto escolar, além de ser uma forma de apresentar Brasília para o mundo. 

“Com esse evento, nós estamos chamando a atenção (dos países) para o Brasil e para a América do Sul, sobretudo, para ampliação do desenvolvimento educacional e para estimular a prática desportiva, de onde podem sair grandes atletas”, enalteceu Agnelo Queiroz. 

O presidente da ISF, acompanhado de um comitê composto por representantes dos governos local e federal, e dos estados de São Paulo e Minas Gerais, visitam desde sábado (5), os quatro locais da competição, que estão em fase final de reforma e tiveram aproximadamente R$7 milhões em investimentos. 

Entre os espaços estão o Ginásio Nilson Nelson, o Centro Esportivo Ayrton Senna, o Centro de Convenções Ulysses Guimarães, o Centro de Capacitação Física do Corpo de Bombeiros (CICAF) e o Ginásio de Esportes do Cruzeiro. Por último, o grupo visitará o Estádio Nacional Nilson Nelson, amanhã. 

“Nós temos 80% das restaurações previstas para esses locais prontas e, agora, faltam apenas detalhes. Nossa previsão é que tudo seja finalizado até o início de novembro”, observou o secretário de Esporte do DF, Julio Cesar Ribeiro. 

“É a primeira vez que esse evento vem para as américas, graças ao empenho do GDF”, elogiou o presidente da Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE), Antônio Hora Filho, ao solicitar ao governador que envolva a CBDE em todas as grandes ações do GDF. 

COMPETIÇÃO – A 15ª edição da “Gymnasiade” terá 1,7 mil alunos de escolas de 40 países, com faixa etária entre 14 e 17 anos, que competirão em oito modalidades, entre elas, atletismo, natação, judô, karatê, xadrez e ginásticas rítmica, aeróbica, artística. 

Os jogos ocorrerão de 29 de novembro a 4 de dezembro e, durante esse período, os estudantes estrangeiros e brasileiros conhecerão os monumentos de Brasília, já que o evento visa, também, ao intercâmbio cultural. 

Aproximadamente 200 estudantes brasileiros participam e, desses, 24 oriundos da capital federal que competirão na natação, xadrez, judô e atletismo.

Neste ano, a “Gymnasiade” terá como mascote o quati, batizado de Gymi, que foi eleito por concurso promovido pelo GDF em escolas públicas do DF

(Fonte: Agência Brasília)

GIMNASIADE2

 

GIMNASIADE4

Governo se comprometeu em ajudar essa parte da população a entrar no mercado de trabalho

No dia 28 de setembro centenas de pessoas com algum tipo de deficiência se reuniram  Instituto Cultural, Educacional e Profissionalizante de Pessoas com Deficiência do Brasil (Icep Brasil), no SIA, para participar do “Festão da Inclusão”, evento que contou com o apoio e a presença do governador Agnelo Queiroz.

“Fiz questão de participar desta grande festa para dizer que estamos fazendo uma política voltada para a pessoa com deficiência. No projeto de modernização urbana do DF, a acessibilidade está em primeiro lugar, começando pelo transporte, que até dezembro deste ano será o melhor para esta parte da população”, afirmou o governador.

O presidente do Icep Brasil, Sueide Miranda, afirmou que ainda há muito que ser feito para melhorar a vida das pessoas com deficiência, mas que com o apoio do governo esses obstáculos serão mais fáceis de superar. “Lutamos para a inserção de mais pessoas no mercado de trabalho, e para isso, elas precisam se capacitar”.

Atualmente, das 33.252 vagas em empresas e órgãos públicos do DF destinadas a trabalhadores com deficiência – por meio da Lei de Cotas -, apenas 7,2 mil estão ocupadas, número que o governador se comprometeu a aumentar com o incentivo à qualificação profissional, em parceria com a Secretaria de Trabalho.

O coordenador do instituto, Carlos Guimarães, 47 anos, soube na pele as dificuldades de ser contratado para o primeiro emprego, que conseguiu com 20 anos. Ele perdeu os movimentos da perna direita aos 11 meses de idade, período em que foi vítima da paralisia infantil.

“Atualmente, houve uma grande evolução em termos de acessibilidade, porém os empregadores ainda nos enxergam como despesa e não como parte do lucro das empresas. Essa situação em que somos um problema para o mercado de trabalho deve mudar”, enfatizou Guimarães.

Ele afirmou que, quando conseguiu seu primeiro emprego como gerente de lotérica, as condições de acessibilidade na cidade ainda eram precárias e que esse cenário agora está muito diferente, pois os avanços são perceptíveis em todos os lugares do DF.

O “Festão da Inclusão” foi realizado em comemoração ao Ano Ibero-Americano para Inclusão das Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho, e também pelos Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência e Dia Nacional e Internacional dos Surdos.

“É importante destacar que a cidade do SIA que integra o maior polo comercial e  industrial do Distrito Federal, começou a se preparar para ser a cidade referência em acessibilidade e captação profissional de pessoas portadoras de deficiência”, afirmou José Tenório, administrador do SIA.

PESQUISA– Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) demonstram que, dos 2,5 milhões moradores do DF, mais de 570 mil (22,23%) da população têm alguma deficiência, com predominância da visual (63,71%).

ICEP1

ICEP2

ICEP3

ICEP4

ICEP5

ICEP6

ICEP7

 

 

 

No próximo dia 08 de agosto a Coordenação da 5ª Conferência das Cidades em parceria com a Administração Regional do SIA realizará a reunião programada para a cidade. O objetivo do encontro é conscientizar as pessoas sobre a importância da participação popular na etapa Regional da Conferência, a qual passará por todas as cidades satélites. Ela antecede outras duas etapas da Conferência das Cidades: a distrital e a nacional. O encontro será no auditório da ASBRACO – SIA TRECHO 04 QUADRA 03 LOTE 2000 – BLOCOF, a partir das 08h.

A Administração convida toda a comunidade (Prefeituras Comunitárias, Associações de Moradores, Instituições Religiosas, Cooperativas, CEB, CAESB, IBRAM, NOVACAP e Conselhos Comunitários), para juntos fazer um levantamento das demandas locais e garantir a efetiva participação dos moradores dessa região administrativa.

Após a primeira e segunda etapa será realizada a Conferência Distrital, marcada para os dias 27, 28 e 29 de setembro, quando vão ser elaborados os relatórios finais com as propostas sugeridas pelos participantes. Os relatórios serão levados para a Conferência Nacional.

Na Conferência Distrital, haverá também a eleição dos 41 delegados que vão representar o Distrito Federal na 5ª Conferência Nacional marcada para os dias 20 a 24 de novembro. Na ocasião, serão traçadas diretrizes para a formulação e a execução da Política Nacional de Desenvolvimento Urbano ao longo dos próximos anos.

Para mais esclarecimentos, a comunidade pode entrar em contato pelos telefones: (61) 3403-6901/6903.

Começou no dia 11 de junho de 2013 o 1º campeonato de futebol society do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). A ideia é que o evento passe a fazer parte da agenda anual da cidade.

O evento, intitulado “Copa SIA de Futebol Society”, foi realizado pela Administração Regional e contou com o apoio do Clube da Saúde, onde os jogos aconteceram.

Ao todo 14 times participaram da competição, os quais foram compostos por funcionários das empresas locais, tendo como objetivo a promoção da integração entre a Administração do SIA e as instituições privadas, além de conscientizar as pessoas para a necessidade e importância da atividade física como qualidade de vida.

A final do campeonato foi realizada no dia 21 de julho, também em comemoração ao aniversário do SIA. O time vencedor foi o do CPP. O 2º ficou com o time da Feira dos Importados e em 3º lugar o time da Estação FIAT (Cidade do automóvel).

4
Time vendedor – CPP

3
2º lugar – Feira dos Importados

1
3º lugar – Estação FIAT (Cidade do Automovél)

5


 

 

 

 

 

O SIA completou 53 anos no dia 14 de julho com diversas novidades para a população. Uma série de atividades marcou o aniversário da cidade. A celebração foi aberta com a chegada do programa Cidade Limpa, em parceria com órgãos do GDF como Companhia Energética de Brasília (CEB), Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), o Serviço de Limpeza Urbana (SLU).

O trabalho realizado no SIA contou com ações como a poda de árvores, roçagem, substituição de lâmpadas nos postes de iluminação, coleta de entulho, desobstrução das bocas de lobo, manutenção da rede de água e esgoto, coleta de lixo, pintura de faixas de pedestres e meios fios, pavimentação de ruas e estradas, dentre outros 

No dia 17 aconteceu a inauguração da galeria de ex-administradores da cidade, que, segundo o atual Administrador, José Tenório, será uma homenagear a quem passou pelo governo da RA. 

Também em comemoração ao aniversário, o SIA recebeu uma quadra poliesportiva e um Ponto de Encontro Comunitário (PEC) da Quadra 4 do Setor de Transportes e Cargas, ambos pedidos antigos dos moradores. 

No dia 19, no estacionamento da Feira dos Importados, a administração realizou o tradicional corte do bolo.  

Nos dias 19 e 20 de julho foi montada uma Feira de artesanato, onde puderam ser expostos trabalhos de vários artistas. Também no dia 20, aconteceu o famoso encontro de motociclistas, o qual reuniu aproximadamente 300 motos, além de bandas de rock locais.

ANIVER SIA 1

ANIVER SIA 2

ANIVER SIA 3

ANIVER SIA 4

ANIVER SIA 6

ANIVER SIA 7

ANIVER SIA 8

ANIVER SIA 9

ANIVER SIA 10

 

 

A Administração Regional do SIA inaugurou na noite de 17 de julho a galeria dos ex-administradores. A homenagem faz parte da programação do aniversário de 53 da cidade. Idealizada pelo atual Administrador, José Tenório, a galeria representa o resgate da história dessas pessoas e reconhecimento ao trabalho desempenhado por elas em benefício do SIA.

Conforme Lídia Barrense, que coordenou o trabalho de produção da galeria junto com Deivid Enderson, a galeria montada na recepção do gabinete, inclui nove ex-administradores, inclusive os interinos.

Durante a solenidade também ocorreu a entrega de Moção de Louvor a fim de homenagear personalidades que se destacaram pelo trabalho realizado em favor da cidade. Foram homenageados os ex-administradores e mais de 50 empresários destaques no SIA.

O Deputado Benedito Domingos prestigiou o evento, bem como o presidente do SEBRAE, Sr. José Sobrinho e o Comandante do 4º batalhão da PMDF, Tenente-Coronel Antonio Carlos.

Após a solenidade os presentes participaram de um coquetel preparado especialmente para ocasião, ao som de música ambiente.

galeria 2

galeria 3

galeria 4

galeria 5

 

 

Com o objetivo de incentivar a prática esportiva e oferecer mais opções de lazer e qualidade de vida aos cidadãos, o SIA recebeu no sai 13 de julho, uma quadra poliesportiva e um Ponto de Encontro Comunitário (PEC), na Quadra 4 do Setor de Transportes e Cargas, ambos pedidos antigos dos moradores. O evento está marcado para as 12h e conta com a presença de autoridades locais.  

Após a inauguração, pela qual foi feita a entrega oficial da quadra e da PEC, aconteceu um torneio início com participação de dezesseis equipes de futsal.

A quadra, que será administrada pela comunidade, tem 1,2 mil metros quadrados. O local será um espaço multiuso, utilizado também para atividades culturais.

Quadra e PEC 1

 

Quadra e PEC

O SIA recebe mais uma obra a fim de beneficiar os moradores e trabalhadores da região. Foi concluída a obra da pista que liga os trechos 5C e 6, a qual vai facilitar o acesso às vias principais nos horários de pico, desafogando o trânsito na área de confluência do setor hoteleiro. Falta agora a urbanização da obra, que será realizada em breve.

A obra é uma reivindicação antiga dos empresários do setor.

ligação-trecho-5e6.1

 

ligação-trecho-5e6 

 

 

O governador Agnelo Queiroz ressaltou a empresários e lideranças políticas as oportunidades de desenvolvimento econômico e social proporcionadas pelos grandes eventos esportivos que a cidade sediará – a Copa das Confederações em junho deste ano, a Copa do Mundo 2014 e as Olimpíadas de 2016. 

Durante o seminário Cidades da Copa: Brasília, o chefe do Executivo ressaltou o legado dos eventos para a cidade. “A Copa não é um fim, mas um meio. Brasília é uma cidade jovem, e por isso pouco conhecida internacionalmente. Com esses eventos, a cidade estará no centro das atenções, e poderemos mostrar todas as nossas potencialidades”, afirmou Agnelo. 

Entre os projetos destacados pelo governador que ajudarão a capital do país a ganhar projeção internacional estão o Polo de Logística, de Samambaia, a Cidade Digital, no Torto, a ampliação do Polo JK, em Santa Maria, e o Capital Financeira, em São Sebastião. 

Para melhorar a vida dos moradores do DF e possibilitar o desenvolvimento econômico trazido por esses projetos, o GDF põe em prática uma série de ações de infraestrutura. “Estamos fazendo o que é necessário hoje, mas pensando no desenvolvimento no futuro”, afirmou. 

A ampliação do Aeroporto Internacional de Brasília, o BRT Expresso Sul, sistema de transporte que ligará Santa Maria e Gama ao Plano Piloto, o VLT, um metrô leve do aeroporto à W3 Sul, a ampliação do Metrô em Samambaia e Ceilândia e sua extensão à Asa Norte, e a licitação do sistema de transporte coletivo melhorarão a vida das pessoas e permanecerão como legado dos grandes eventos.

 

(Fonte: Agência Brasília)

O programa Morar Bem, criado pelo governador Agnelo Queiroz, receberá o Selo de Mérito 2013 na categoria Grande Impacto Regional. A premiação será entregue pelo Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social, que congrega os gestores de política habitacional e urbana do país. 

O Morar Bem competiu com empresas de desenvolvimento habitacional de vários estados. “Isso é motivo de comemoração para o GDF, pois reafirma o esforço do governador em desenvolver programas que superarão o problema do déficit de moradia das famílias socialmente mais vulneráveis”, afirmou o secretário de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano do DF, Rafael Oliveira. 

A expectativa é que o prêmio seja entregue de 15 a 17 de maio no evento que comemorará o 60º Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social, no Hotel Nacional, em Brasília. Na cerimônia, o GDF, por meio da Secretaria de Habitação, contará com um estande que apresentará as principais ações e programas do governo, como Morar Bem e Regularizou, é seu! 

O evento é promovido pela Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos de Habitação (ABC) e pelo Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano (FNSHDU). 

Morar Bem – O programa foi lançado pelo GDF na atual gestão, em 2011, com o objetivo de minimizar o déficit de moradias. Para garantir a lisura do processo de aquisição dos imóveis, o governo Agnelo Queiroz criou regras claras para a lista da Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab), que sofria denúncias de irregularidades. 

“O prêmio reconhece o ineditismo da política habitacional do DF, que além de ter remodelado e criado novos mecanismos para atender a população de menor renda, também gerará um impacto significativo com as 100 mil unidades habitacionais que o GDF vai contratar até o ano que vem”, ressaltou o secretário de Habitação do DF.

Morar Bem 2

 

(Fonte: Agência Brasília)

Na manhã do último dia 26/03 o Administrador do SIA, José Tenório (JT), se reuniu com o Secretário de Turismo do Distrito Federal, Luís Otávio Neves, a fim discutir sobre a possibilidade de trazer para o SIA um Centro de Atendimento ao Turista (CAT).

A iniciativa é da Administração e visa dar suporte aos turistas que vem à Brasília pela 1º vez e não conhecem a Cidade. No local será possível ter uma orientação sobre os principais pontos turísticos  e os locais que devem ser evitados pelos turistas que visitam nossa Capital.  

O Distrito Federal tem sete CATs (Centros de Atendimento ao Turista) que atendem por mês cerca de três mil pessoas. Além dos profissionais bilíngues, que falam dois ou mais idiomas, os centros também oferecem mapas e materiais informativos para apoiar aos turistas que querem conhecer melhor a capital federal.

SEC TUR 2

Secretário de Turismo, Luís Otávio Neves, com o Administrador do SIA, JT
e o Diretor de Serviços da Adminstração, Gil de Souza.

 

 

 

O SIA recebe mais uma obra a fim de beneficiar os moradores e trabalhadores da região. Foram iniciadas no último dia 11 de março as obras da pista que liga os trechos 5 e 6, que vai facilitar o acesso às vias principais nos horários de pico.

A obra, que visa desafogar o trâsito na área de confluência do setor hoteleiro, tem prazo para ficar pronta. Estará finalizada em aproximadamente 10 dias.

O Administrador José Tenório esclarece que essa é uma reivindicação antiga dos empresários do setor.

OBRA DE LIGAÇÃO - 2

OBRA DE LIGAÇÃO - 3

OBRA DE LIGAÇÃO - 4

O Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) recebeu, na sexta-feira (8), dois reforços em infraestrutura. Foram inaugurados 21 postes de iluminação, instalados no estacionamento da Feira dos Importados, e dois novos pontos de taxi nos locais que mais concentram visitantes na região, em frente ao Hotel Brasília e na própria feira. As inaugurações fizeram parte da comemoração do Dia Internacional da Mulher, que teve programação voltada ao público feminino.

chave ponto de taxi

Entrega oficial das chaves dos novos pontos de apoio ao taxista

Segundo o administrador do SIA, José Tenório, as medidas são reivindicadas há mais de 10 anos pelos moradores e trabalhadores da região, que incluem cerca de 200 taxistas e 100 mil visitantes por semana. “São obras importantes que terão um grande impacto nos frequentadores da Feira dos Importados e no SIA de forma geral”, afirmou o administrador.

Para o deputado distrital Benedito Domingos, o SIA está em fase de crescimento, bem como todas as cidades do DF. O deputado parabenizou ao Administrador pela excelente gestão.

 

 

 

Ao todo, foram investidos cerca de R$ 307 mil nas duas ações – R$ 148 mil nos pontos de táxi e R$ 159 mil nos 21 postes. A instalação dos equipamentos de energia elétrica faz parte do Plano de Iluminação do SIA, elaborado pela Administração Regional da cidade. Está prevista, ainda, a instalação de mais 69 postes em toda a região administrativa, somando-se, dessa maneira, 90.

Também participaram das inaugurações, o presidente da Companhia Energética de Brasília (CEB), Rubem Fonseca, o deputado distrital Benedito Domingos, o deputado Chico Vigilante, a administradora da Estrutural, Maria do Socorro, dentre outras autoridades.

8 DE MARÇO 2013 1103

 

cerimonial                    

              Deputado Benedito Domingos elogia a excelente gestão da atual Administração do SIA.

 

Dia da Mulher – A Administração Regional do SIA celebrou o Dia Internacional da Mulher com evento gratuito no estacionamento da Feira dos Importados. Exposições, feira de artesanato, shows, oficinas, tratamentos de beleza, curso de automaquiagem, teatro e premiações estavam disponíveis ao público desde o período da manhã.

entregando rosa

entregando rosa 2

Administrador José Tenório distribuiu 10 mil rosas no SIA.

 massagem

Durante as atividades realizadas durante o dia, as mulheres tiveram
a oportunidade de relaxar.

show

Show wm homenagem às mulheres.

 

 

Meninas entre 11 e 13 anos do Centro de Ensino Fundamental 01 (CEF 01) da Estrutural receberam no dia 8 de março a vacina contra o papiloma vírus (HPV), vírus causador do câncer do colo do útero. A meta da Secretaria de Saúde do é imunizar 64 mil meninas das escolas públicas e particulares do Distrito Federal (DF). O HPV é responsável por 70% dos casos de câncer no colo do útero.

A campanha, lançada hoje no dia 8 de Março (Dia Internacional da Mulher), é uma ação pioneira no país, e a partir de 1º de abril será ampliada para as demais escolas do DF. Para que a vacina seja efetiva, deverá ser aplicada em três doses, com intervalo de 60 a 180 dias. Segundo a secretária da Mulher, Olgamir Amância, a faixa etária das meninas que serão vacinadas leva em conta a necessidade de que a imunidade seja alcançada antes do início da vida sexual.

Ao todo, 364 meninas nascidas entre 2000 e 2002 foram contempladas com a vacina, mediante autorização dos pais ou responsáveis. De acordo com o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, o Ministério da Saúde está em fase de estudo para implantação da vacina gratuita em âmbito nacional, mas o DF se antecipou implantando a vacina no seu calendário.

O Administrador do SIA, José Tenório, participou do evento e doou para a Administração da Estrutural um gerador de energia que será utilizado para refrigeração das vacinas em caso de quedas de energia.

gerador 2

 Governador Agnelo participa de primeira vacinação em estudante na estrutural

O Administrador do SIA, José Tenório, esteve no lançamento do programa “Circuito Saúde para Todos”, realizado no sábado dia 23 de fevereiro, na cidade Estrutural.

O serviço percorrerá todas as cidades oferecendo atendimento médico em várias especialidades, além de orientar para prevenir doenças. No local, também são realizados exames e diagnósticos. A ação aconteceu durante todo o dia, em sete tendas montadas na Praça Central da Estrutural, e contou com a participação de cerca de 150 profissionais. Mais de 5 mil pessoas foram atendidas.

Para o circuito, foram designados ginecologistas, cardiologistas, infectologistas, dermatologistas, dentistas, enfermeiros, técnicos e agentes de saúde.

Acompanhado pela primeira-dama, Ilza Queiroz, o governador Agnelo Queiroz compareceu ao evento e conferiu o andamento da ação. O governador destacou que este é um segundo momento do resgate da saúde pública no Distrito Federal.

Satisfeito com a aceitação do Circuito, o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, não poupou elogios a sua equipe. “Nossos profissionais estão apresentando aqui todos os serviços oferecidos, hoje, pelo governo para melhorar a saúde da população. Além disso, estamos divulgando como funciona o novo sistema de triagem de pacientes da rede pública de Saúde, que determina por cores a gravidade da situação do paciente e em quanto

Serviço

O Circuito Saúde para Todos será realizado sempre aos sábados, uma vez por mês. O cronograma com as próximas cidades está sendo elaborado e será divulgado em breve. Para receber o atendimento, basta comparecer ao local.

Saúde para Todos 2

Parte do atendimento do prgrama Saúde para Todos.

 

Saúde para Todos 3

Administrador do SIA. JT, junto com Governador no
lançamento do programa Saúde para Todos.

 

Saúde para Todos 4

JT com o Secretário de Saúde do DF, senhor Rafael Barbosa

 

Saúde para Todos ultima

Muita animação no primeiro dia do programa Saúde para Todos.

 

 

 

 

O Administrador do SIA, José Tenório (JT), esteve reunido com o Diretor Presidente da CEB, senhor Rubem Fonseca Filho, para discutir assuntos pertinentes à iluminação do Setor de Indústria. O encontro aconteceu no último dia 25 de fevereiro.

Na pauta da reunião constaram pontos como a freqüência dos picos de energia; a troca de lâmpadas dos postes de iluminação; a individualização dos relógios de energia da feira dos importados e a ligação do trecho 7 com a EPIA, próximo a subestação da CEB.

REUNIÃO 1
José Tenório com o Diretor da CEB, senhor Rubem Fonseca.

O Administrador do SIA, José Tenório, esteve no lançamento do programa “Circuito Saúde para Todos”, realizado no sábado dia 23 de fevereiro, na cidade Estrutural.

O serviço percorrerá todas as cidades oferecendo atendimento médico em várias especialidades, além de orientar para prevenir doenças. No local, também são realizados exames e diagnósticos. A ação aconteceu durante todo o dia, em sete tendas montadas na Praça Central da Estrutural, e contou com a participação de cerca de 150 profissionais. Mais de 5 mil pessoas foram atendidas.

Para o circuito, foram designados ginecologistas, cardiologistas, infectologistas, dermatologistas, dentistas, enfermeiros, técnicos e agentes de saúde.

Acompanhado pela primeira-dama, Ilza Queiroz, o governador Agnelo Queiroz compareceu ao evento e conferiu o andamento da ação. O governador destacou que este é um segundo momento do resgate da saúde pública no Distrito Federal.

Satisfeito com a aceitação do Circuito, o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, não poupou elogios a sua equipe. “Nossos profissionais estão apresentando aqui todos os serviços oferecidos, hoje, pelo governo para melhorar a saúde da população. Além disso, estamos divulgando como funciona o novo sistema de triagem de pacientes da rede pública de Saúde, que determina por cores a gravidade da situação do paciente e em quanto

Serviço

O Circuito Saúde para Todos será realizado sempre aos sábados, uma vez por mês. O cronograma com as próximas cidades está sendo elaborado e será divulgado em breve. Para receber o atendimento, basta comparecer ao local.

 

O Administrador do Setor de Indústrias e Abastecimento (SIA), José Tenório (JT), encontrou-se com o Diretor Técnico do Departamento de Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTRANS), Lúcio Lima.

O Administrador se apresentou aos diretores da autarquia e  durante a reunião, JT, solicitou uma linha de integração entre o metrô do Guará e Park Shooping interligando dentro dos Trechos da região do SIA, em especial no trecho 17.

De acordo com JT, o SIA necessita desta alternativa para locomoção, e pode gerar melhorias para a população que trabalha na região, ao contemplar a população e os trabalhadores que transitam pelo setor diariamente. “Com essa atitude, os cidadãos podem deixar os veículos em casa e utilizar um transporte eficiente e prático, que é o metrô do Distrito Federal”, afirmou JT.

A diretoria do DFTRANS ressaltou que precisa analisar a situação com estudo técnico. (Lídia e Saulo).

 

                                                       DF TRANS 11

                                                                            Adm. JT, Téc. Lúcio, Sec. Dayane

         

                                                      DF TRANS 53

                                                                            Estudando possibilidades

                                                    DF TRANS 60

 

O Administrador do Setor de Indústrias e Abastecimento (SIA), José Tenório (JT), reuniu-se com o Diretor Presidente da Agência de Fiscalização do Distrito Federal (AGEFIS), Gleiston Marcos e Diretor Presidente Adjunto Eduardo Barbosa.

Na pauta, o Administrador ressaltou a importância de trabalhar juntamente com o segmento para uma boa atuação dos  projetos e ações entre a Administração do SIA e Agefis,e se colocou a disposição. 

         Com intuito de trabalhar as ações em parceria, o Administrador visitou a Região Administrativa e Fiscal da AGEFIS-RAF 4, para conhecer o local e a atuação dos representantes, que pertencem ao quadro de fiscalização do Governo do Distrito Federal e atuam especificamente no Setor de Indústrias e Abastecimento. Nessa reunião, foram delineadas as questões relativas à fiscalização de estabelecimentos irregulares na área do SIA, com isso, foi proposta à AGEFIS, uma parceria, para apoio e suporte das operações a serem realizadas,atuando como facilitadora.

Um dos temas do encontro, foi a questão de recolocação dos quiosques irregulares,  discutida entre a AGEFIS e o administrador, José Tenório. Na conversa, outros assuntos também foram destacados: a questão das faixas e forma de atuação para coibir os estabelecimentos que atuam de forma clandestina. (Saulo Mota e Lídia)     

                                                AGEFIS-ADM 21

                                                             Adm. JT e Diretor Agefis Gleiston Marcos 

                                                AGEFIS-ADM 30  

                                                                 Dir.Gleiston, Adm. JT, Adj. Eduardo   

                                                AGEFIS RAF 4 91

                                                              Dir. Ismar, Coord. Leonito, Adm. JT 

                                                  AGEFIS RAF 4 35       

                                                                  Conhecendo setor interno RAF 4

                                                  AGEFIS RAF 4 58 

                                                                          Adm. JT, Mauro Agefis

                                                 AGEFIS RAF 4 20

                                                                                Pátio Agefis

                                                AGEFIS RAF 4 81

 

                                                    

                                                          

                                                                    

A Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou homenagem aos Deputados Distritais da primeira legislatura (1991- 1994). Durante a solenidade, o Governador Agnelo Queiroz leu uma mensagem direcionada aos deputados, na cerimônia que marcou o início das atividades no plenário em 2013.

O Governador foi homenageado pelos trabalhos desenvolvidos quando atuou como Deputado Distrital, na legislatura em que foi eleito pelo voto popular.

Da mesma maneira, o Deputado Distrital, Wasny de Roure recebeu diploma da Mesa Diretora. Wasny de Roure comentou sobre a atuação diferenciada da Câmara Legislativa do DF, que desenvolve competências legislativas de Estado e Município.

 O Administrador do Setor de indústrias e Abastecimento (SIA), José Tenório esteve presente no evento e  destacou que a solenidade marca um reconhecimento àqueles deputados que trabalharam em benefício da população do Distrito Federal.

O Administrador lembrou que “o deputado Wasny de Roure foi eleito presidente da Câmara Legislativa por unanimidade. Esse comportamento demonstra crédito em um parlamentar na atualidade”. Ressalta (JT).

A cerimônia contou com a presença do primeiro presidente da Câmara Legislativa, Salviano Guimarães, que lembrou o trabalho pioneiro desenvolvido pelos deputados.  (Saulo Mota)

 

                                            CÂMARA 5-2-2013

                                     Homenagiados da primeira legislatura da Câmara Legislativa 1991-1994

                     

                                            CÂMARA 5-2-2013 51 

                                     Dep.Ayton Gomes, Benedito Domingos,Adm.José Tenório

 

                                            CÂMARA 5-2-2013 61

                                                 Adm. JT, Dep.Geraldo Magela e Benedito Domingos

 

 

 

                                            CÂMARA 5-2-2013 117

                                                         Dep. Poli Carpo, Acessor e Adm. JT

 

                                                                                                         

 

                                                                                                    

O Secretário de Habitação Geraldo Magela esteve em reunião com o novo Administrador Regional do SIA ,José Tenório (JT). O diálogo foi pautado em busca de sugestões para tentar solucionar as demandas prioritárias do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). 

De acordo com o Administrador José Tenório (JT) é preciso ter conhecimento e analisar cada caso de forma detalhada para resolver os problemas do Setor de Indústrias da melhor maneira possível. Com esse intuito, as questões da atual realidade do SIA podem ser resolvidas. Durante o encontro com o Secretário Geraldo Magela, O Administrador José Tenório, ressaltou a importâcia da parceria  junto ao Secretário, por ter uma vasta experiência na gestão pública e política no Distrito Federal. 

O Secretário se colocou a disposição e ofereceu apoio no que for necessário para continuar o trabalho que está sendo desenvolvido no SIA.

 

                                                            MAGELA-ADM 3

                                                            Administrador José Tenório (JT) e Secretário Geraldo Magela   

                                             

                                                           MAGELA-ADM 8

                                                           MAGELA-ADM 23

                                                                      JT e Magela pontuando atual situação do SIA

                                                         MAGELA-ADM 35

                                                                                        Apoio Declarado.

                                                         MAGELA-ADM 37

 

O Coordenador da Coordenadoria das Cidades Francisco Machado e o Coordenador Adjunto Franklin Moura, recebeu o novo Administrador do SIA José Tenório (JT) e alguns gestores da administração, Drª Juliana Corrêa, Diretor de Administração Geral (DAG) Ismar Chaves, Assessor Adriano Araújo, para se apresentar, e na orpotunidade tratar assuntos, como o Plano de Ocupação das Feiras e Quiosques e a regularização dos que possuem cadastro, de acordo com os critérios da legislação vigente.  

 

                                                      COORDENADORIA DAS CIDADES 24-01-13 054 

                                          Reunião com dirigentes da Administração do SIA e Coordenadoria das Cidades

                                                   

                                                     COORDENADORIA DAS CIDADES 24-01-13 007

                                              Coordenador Adjunto Franklin Moura e Administrador José Tenório (JT)

            Administrador do SIA e do Guará participam do café da manhã com Presidente da ASSCHAGAS 

O Administrador do SIA, José Tenório (JT), visitou, na tarde do dia 21 de janeiro, a Associação Brasiliense de Construtores – ASBRACO. Na ocasião a diretoria da Entidade, nas pessoas do Presidente, senhor Luiz Afonso Delgado Assad e do Diretor Financeiro, senhor Mauro Gilberto Franco Marques deu boas vindas ao novo Administrador e se colocou a disposição para fazerem gestão junto aos órgãos competentes do governo no que tange à melhorias para o setor.

JT destacou que sua intenção é ser um facilitador, trazendo benefícios e investimento. Explicou que para o ano de 2013 o governo federal tem estimado um orçamento de 3,2 bilhões de reais para investir no DF e que por meio de projetos buscará parte dessa verba para o execução de obras no Setor de Indústria.

ASBRACO 2

Dr. Afonso apresenta os projetos da ASBRACO ao Administrador do SIA.

 

ASBRACO 3

Dr. Mauro e JT analisando o mapa do Setor de Indústria.

ASBRACO 4

Administrador do SIA e Diretor de Administração Geral, Ismar Chaves de Melo,
com diretoria da ASBRACO.
 

 

Paulo Roberto Evangelista de Lima, novo presidente do Banco de Brasília, tomou posse, no dia 21 de janeiro, em cerimônia realizada no auditório da LBV. Estiveram presentes, o governador Agnelo Queiroz, deputados distritais e federais, secretários de governo do DF, membros dos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário e do ex-presidente do banco Jacques Pena, bem como o Administrador do SIA, José Tenório (JT).

No ato da posse o novo Presidente do BRB prometeu aumentar o quadro de funcionários e as linhas de crédito tanto para imóveis quanto para o setor produtivo. Ele garantiu que 400 concursados serão convocados até dezembro — atualmente, o banco conta com 3 mil funcionários. Ele disse ainda que um edital será lançado este ano com, no mínimo, 10 vagas para profissionais da área de tecnologia da informação.

Para captar mais clientes, além da melhora do serviço e do atendimento, a aposta de Evangelista é na carteira de crédito. Ao todo, R$ 1,6 bilhão a mais de dinheiro será oferecido em comparação com 2012.

Titular é formado em Administração pela UCG

Paulo Roberto nasceu em Cumari-GO, porém reside em Brasília desde 1999. É formado em Administração pela Universidade Católica de Goiás (UCG) e possui especializações em Administração Financeira e em Gestão de Negócios. Além disso, fez carreira no Banco do Brasil, onde trabalhou por 34 anos, tendo ocupado vários cargos, com destaque para o de diretor de Controles Internos e o de diretor de Gestão de Riscos.

BRB - posse 2

Administrador do SIA, JT, e Governador Agnelo Queiroz.

 

BRB - posse 3

José Tenório ao lado do Deputado Benedito Domingos e doPresidente do PRB,
senhor Roberto Wagner Monteiro

 

 

 

 

O Presidente do ICEP Brasil, Instituto Cultural, Educacional e Profissionalizante de Pessoas com Deficiência do Brasil, senhor Sueide Miranda Leite, recebeu na manhã dessa sexta-feira, dia 18 de janeiro, a visita do Administrador do SIA, José Tenório (JT).

O Administrador foi conhecer de perto o trabalho realizado pela Instituição que defende a igualdade de pessoas com deficiência. JT também frisou que fará o possível para sanar os problemas quanto à acessibilidade a locais públicos, principalmente calçadas. Quanto ao que couber à competência da Administração, realizará melhorias a fim de que o SIA esteja de acordo com as regras e com a legislação.

O presidente do ICEP Brasil se mostrou contente com a iniciativa do Administrador e se colou a disposição para ajudar no que for preciso. O senhor Sueide ressaltou que essa é uma causa que necessita de atenção e respeito por parte de todos, governo e sociedade, e frisou que atualmente o Distrito Federal tem aproximadamente 700 mil pessoas com deficiência.

É importante destacar que o ICEP Brasil atua também na capacitação de professores e possui uma fábrica de cadeiras de roda. Segundo o senhor Sueide, as cadeiras são fabricadas na fábrica instalada na própria sede da instituição e a comercialização é feita sob encomenda, o que gera uma maior qualidade no produto, conseqüentemente aumentando sua vida útil.

VISITA AO ICEP 2
Administrador do Sia, juntamente com sua Chefe de Gabinete, conhece
a fábrida de cadeiras de roda do ICEP Brasil.

 

VISITA AO ICEP 3
Instituto ICEP Brasil. 

Sobre o ICEP:

Criada em 24 de abril de 1999, é uma sociedade civil, de caráter filantrópico, sem fins econômicos, políticos ou religiosos.

Tem por finalidades:

a) promover no âmbito do Distrito Federal, a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência, buscando assegurar-lhe o pleno exercício da cidadania;

b) integrar e incluir a pessoa com deficiência na sociedade e prepará-la para o mercado de trabalho;

c) desenvolver tecnologias apropriadas que facilitem a integração e a inclusão da pessoa com deficiência, buscando eliminar as dificuldades técnicas;

d) capacitar recursos humanos em áreas especificas para atuar na área da pessoa com deficiência;

e) atuar em movimentos sociais, visando a integração e inclusão da pessoa com deficiência na sociedade;

f) oferecer e promover cursos profissionalizantes para pessoas com deficiência;

g) atuar na defesa dos direitos da pessoa com deficiência, em todos os setores; dentre outras.

O Administrador do SIA, JT, participou na manhã dessa quinta-feira, dia 17 de janeiro, da cerimônia em que o Governador Agnelo Queiroz sancionou o Projeto de Lei nº 1.245 de 2012. O evento contou também com a presença do presidente da Federação das Indústrias do DF (Fibra), Antônio Rocha; de parlamentares, dentre os quais estava o Deputado Distrital Benedito Domingos; além de autoridades do governo e empresários de todo o setor produtivo.

Ideas Industrial 2

De autoria do Executivo, o Projeto de Lei institui o programa de financiamento industrial, o qual tem foco no Desenvolvimento Econômico Sustentável por meio da ampliação da capacidade de economia local na produção e distribuição de bens e serviços e na efetiva geração de emprego e renda. O tema foi amplamente discutido ao longo de 2012 por um grupo composto pela Fibra, pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, pela Secretaria de Estado de Fazenda, além de representantes do setor de logística.

O financiamento é concedido ao empreendimento produtivo cujo projeto tenha sido aprovado e que seja destinado a instalações, capital de giro e produção, e deve “ser proporcional ao faturamento bruto mensal”. O valor máximo a ser financiado é de até 13% do mesmo faturamento mensal. A amortização pode ser feita em até 360 meses, com juros de até 1,2% ao mês, incidentes sobre o valor principal, devido anualmente, sobre o saldo devedor e recolhidos em data fixada no respectivo contrato.

Fazendo uso da palavra, o Presidente da Fibra, Antonio Rocha, fez questão de destacar que o programa marca uma nova fase na área da indústria do DF. Para o senhor Antonio Rocha esse é o primeiro caminho para o desenvolvimento e o crescimento de Brasília.

Palavra da Secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico do Distrito, Catia Miho Takahashi este é um momento de extrema importância pois marca a concretização de um trabalho que vem sendo realizado ao longo de dois anos.

A secretária frisa que a aprovação desse projeto de Lei é fruto do esforço que tem pautado a gestão do Governador Agnelo desde os primeiros dias de seu governo, quando solicitou que fosse apresentada uma nova solução para o financiamento da atividade produtiva do DF. Catia Miho concluiu dizendo que a sanção desse Projeto de Lei coloca o DF em uma nova fase de atração de investimentos e apoio ao setor produtivo local.

O Secretário de Fazenda do DF, senhor Adonias dos Reis Santiago, também esteve ao evento e, entre outras palavras, afirmou que o financiamento industrial é um grande passo e que não é o resultado do trabalho de apenas um órgão, mas da determinação de um governador, que decidiu em juntar toda a sociedade na direção de um programa.

O Presidente da Câmara Legislativa do DF, Wasny de Roure, concordou com o Secretário de Fazenda e complementou dizendo que o projeto é também a ruptura de uma modelagem que trouxe problemas para cidade. E que agora é momento de readequações e posturas no que diz respeito à relação com o Poder Público.

Finalizando, o Governador do DF, Agnelo Queiroz, deu boas vindas ao Administrador do SIA e desejou sucesso na administração da cidade que mais recolhe ICMS de Brasília. Ressaltou que a partir desse programa a cidade entra em um novo momento, fortalecendo o setor produtivo e dando a Capital Federal o status de pólo industrial.

Ideas Industrial 3

Administrador do SIA, JT, com o Governador Agnelo Queiroz. 

Ideas Industrial 4

Administrador do SIA com Presidente da Câmara Legislativa, Wasny de Roure. 

Ideas Industrial 5

JT com o Deputado Distrital, Chico Vigilante, e o empresário Talal. 

 

Ideas Industrial 6

Administrador do SIA ladeado pelo Deputado Federal Luiz Pitiman e o
Deputado Distrital Benedito Domingos.

Na tarde do dia 15 de janeiro o Administrador do SIA, JT, se reuniu com os empresários Régiton Queiroz de Menezes, Diretor da ENGEMIL; Fernando Gontijo, Diretor da Atrium Assessoria Imobiliária; e Elson Ribeiro e Póvoa, vice-presidente financeiro da Câmara Brasileira da Indústria da Construção.

Na reunião foram levantados pontos que, segundo os empresários, precisam de soluções. São eles:

  • – A ligação entre o trecho 17 com os demais trechos;
  • – Conclusão da passarela próxima ao Viaduto Ayrton Senna;
  • – Iluminação de pontos específicos do SIA;
  • – Necessidade de utilização de área federal para uso de estacionamento de carretas (área próxima à Anvisa);
  • – Solução, junto à Terracap, sobre bolsas d’água que pressionam muros em lotes comerciais, haja vista que o acúmulo da água pode derrubar os muros.

Os empresários justificaram que algumas das reivindicações visam dar maior fluidez no trânsito, principalmente no que diz respeito à retirada de carretas de locais indevidos e a ligação entre trechos.

O Administrador se comprometeu a buscar soluções, quer sejam junto ao Governo Federal, quer sejam junto ao GDF.

 

REUNIÃO empresários 2

 

REUNIÃO empresários 3

 

REUNIÃO empresários 4

 

Acompanhado do Deputado Distrital Benedito Domingos, o administrador do SIA, JT, visitou a feira dos importados e ouviu as reivindicações dos feirantes.

O Administrador fez uma caminhada pelas três feiras, cumprimentando as pessoas e ouvindo suas sugestões e críticas. Ele afirmou que está tomando conhecimento dos problemas que precisam de soluções imediatas e que se reunirá com empresários e órgãos competentes para ajustar cada situação.

Durante a visita o administrador se comprometeu a fazer o possível para reformar os banheiros das feiras, os quais estão em estado crítico, e frisou que provavelmente esta será a primeira obra oficial de sua administração.

Na ocasião o repórter Marcelo Ramos entrevistou JT e o Deputado Benedito Domingos para o programa “Reporter do Povo”.

FEIRAS 1.2

Administrador do SIA cumprimenta feirantes.

FEIRAS 1.3

 Administrador do SIA, JT, e Benedito Domingos com Diretor da Feira dos Imposrtados.

Foi inaugurada hoje, a nova sede do SAMU, no SIA trecho 3, lotes 2090 a 2100, em um imóvel com mais de 1000 metros quadrados. O espaço agilizará o atendimento prestado à população com um sistema de informática mais moderno e eficiente. O Gov. Agnelo Queiroz e o Administrador do SIA, Adauto Almeida, juntamente com as diversas autoridades presentes no evento puderam contemplar a qualidade das instalações e dos equipamentos de que dispõe agora o SAMU.

 

fotosamu2

 

“Fico muito feliz por ter a honra de ter aqui no SIA, a sede do SAMU, pois isso agilizará o atendimento de possíveis ocorrências, tanto de moradores como dos milhares de trabalhadores que visitam a cidade diariamente. Antigamente o SAMU dispunha somente de uma pequena salinha de 3 x 3 metros na Administração Regional, era muito pouco diante da demanda que nós temos aqui.” Afirmou Adauto Almeida

 

fotosamu4

 

A nova sede abrigará, no térreo, as áreas administrativa, de recursos humanos e de estatística, o setor de psicologia e um consultório de medicina do trabalho, no segundo andar, funcionará a central de regulação, onde médicos e enfermeiros reguladores atendem as chamadas feitas pela população. No terceiro andar, foram instaladas as chefias de enfermagem, de núcleo médico e de educação permanente. Nele também funcionarão uma subseção de educação e as assessorias de comunicação social e de realização de eventos de massa. O quarto piso foi reservado para a convivência dos servidores, com refeitório e sala de repouso.

Ambulâncias: O Núcleo de Transporte do SAMU foi instalado em um galpão atrás do prédio. A unidade conta com estacionamento coberto para as 24 unidades de atendimento básico, seis unidades de suporte avançado e um veículo de intervenção. 

 

fotosamu5

Na noite da última quarta-feira 01/08, a Administração Regional do SIA realizou a Reunião de Formação do Comitê de Transporte do Setor de Indústria e Abastecimento, com o intuito de promover e integrar os diversos órgãos e empresas ligados ao transporte público do DF. O Administrador do SIA, Adauto Almeida, afirmou “Precisamos investir e elaborar políticas públicas eficientes para melhorar o transporte público do DF, não podemos ser omissos com relação a esse problema pois todos nós dependemos do trânsito para nos locomovermos.”

 

transporte3

 

O representante do DF TRANS, Diretor Técnico Raimundo Lucio, frisou que “Precisamos melhorar a qualidade da frota de ônibus e combater a pirataria, pois hoje o transporte público do Distrito Federal é considerado um dos piores do Brasil, vamos melhorar com urgência o transporte das cidades satélites que diariamente enviam trabalhadores para a o SIA. Estamos aguardando a liberação de um contrato de Licitação que colocará 3.000 novos ônibus nas ruas do DF, eles darão uma maior qualidade e conforto para o usuário. Trabalhamos para implantar com urgência uma integração completa dos transportes públicos.”

Participaram do evento os representantes dos seguintes órgãos, associações e empresas públicas e privadas:

– SINDUSCOM

– ASBRACO

– SINDUSCOM

– ASBRACO

– ANVISA

– ICEP-BRASIL

– CDL

– CEASA

– COOPERFIM

– ASSFECAB

– GRUPO VOETUR

– CONSELHEIRO TUTELAR Armando Abiorana

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros